Acesso ao principal conteúdo
Meio Ambiente/Albânia

Potente tremor de terra atinge região albanesa de Durrës

Cena do tremor de Terra na região de Durrës, onde se vê em acção membros das equipas  de socorro. 26 de Novembro de 2019
Cena do tremor de Terra na região de Durrës, onde se vê em acção membros das equipas de socorro. 26 de Novembro de 2019 REUTERS/Florion Goga
Texto por: RFI
3 min

Depois do tremor de terra ocorrido na região de Durrës, 34 kms à noroeste da capital Tirana, as equipas de socorro prosseguem as suas buscas no meio dos escombros para salvar sinistrados que gritam por ajuda. Tido como um dos mais fortes nas últimos décadas na Albânia, o tremor de terra, registado na madrugada de terça-feira, provocou a morte de pelo menos 13 pessoas.

Publicidade

Segundo o Centro Sismológico Europeu-Mediterrânico, de magnitude 6,4 na escala de Richter, o tremor de terra registou-se às 3h 45mn, horas locais (02.45 TMG ) com o epicentro 34kms à noroeste de Tirana, capital da Albânia, no Mar Adriático.

O Ministério da Defesa albanês informou que pelo menos 13 pessoas morreram e 38 foram socorridas. As equipas de salvamento prosseguem buscas para situar os sinistrados que gritam por ajuda, enquanto os edifícios fissurados continuam a desmoronar-se.

A cidade costeira e turística de Durrës assim como as suas cercanias, no Adriático, foram as mais danificadas pelo tremor de terra.

Forças da polícia e membros da Defesa Civil continuam a procurar pessoas, que ficaram presas nos escombros dos prédios reduzidos a pó.

Durrës e a cidade vizinha de Thumane registaram o maior número de mortes

De acordo com fontes do Ministério da Defesa albanês,em Kurbin, cidade não muito distante, um homem, na faixa etária dos cinquenta, morreu ao saltar em pânico do prédio em que residia e outro pereceu num acidente de viação, quando o tremor de terra despedaçou uma estrada em duas partes.=

O Ministério da Saúde da Albânia anunciou que mais de 600 pessoas receberam os primeiros socorros nos hospitais.

A porta-voz do Ministério da Defesa,Qaha jaj, informou que cerca de 300 militares foram enviados para Durrës e Thumane, onde já se encontram 1.900 polícias que participam nas buscas pelas vítimas do tremor.=

Segundo a Comissão Europeia, equipas de socorristas da Itália, Grécia e Roménia deslocaram-se para a região do tremor de terra, a fim de apoiar as suas homólogas albanesas.

O tremor de terra de terça-feira foi o mais devastador, que atingiu a citada região da Albânia, desde 1926.

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Acompanhe toda a actualidade internacional fazendo download da aplicação RFI

Página não encontrada

O conteúdo ao qual pretende aceder não existe ou já não está disponível.