Acesso ao principal conteúdo
Convidado

Dominique Strauss-Kahn: 57% dos Franceses acreditam num complot

Áudio 04:56
Dominique Strauss-Kahn no tribunal de Nova Iorque, no dia 16 de maio de 2011.
Dominique Strauss-Kahn no tribunal de Nova Iorque, no dia 16 de maio de 2011. Reuters
Por: Liliana Henriques
6 min

A detenção no passado fim-de-semana no Estados Unidos do Director-Geral do FMI,  Dominique Strauss-Kahn, sob a acusação de tentativa de violação, continua a dominar as atenções aqui em França. Considerado até há alguns dias como o melhor potencial candidato dos socialistas para as presidenciais francesas de 2012, Dominique Strauss-Kahn seria -de acordo com uma sondagem divulgada esta Quarta-feira- vítima de um complot para 57% dos franceses. Pascal de Lima, membro do conselho económico do Partido Socialista francês, comenta esta hipótese. 

Página não encontrada

O conteúdo ao qual pretende aceder não existe ou já não está disponível.