Acesso ao principal conteúdo
ANGOLA/MOÇAMBIQUE/UNESCO

Primeiro presidente angolano homenageado na UNESCO e em Moçambique

Capa da revista Latitudes consagrada a Agostinho Neto, Janeiro de 2012
Capa da revista Latitudes consagrada a Agostinho Neto, Janeiro de 2012 RFI
Texto por: RFI
7 min

O primeiro presidente angolano, Agostinho Neto, está a ser homenageado, no ano em que se ele estivesse vivo, completaria 90 anos.  Em Moçambique foi lançado nesta quarta-feira um dvd alusivo com a presença do presidente  Armando Guebuza. Em Paris a sede da UNESCO foi também palco de uma homenagem em torno da apresentação da revista literária "Latitudes".

Publicidade

Irene Neto, filha de Agostinho Neto, é deputada do MPLA, Movimento popular de libertação de Angola,  e presidente do Conselho de administração da fundação com o nome do intelectual angolano.

Ela refere-se ao contexto de homenagens a decorrer este ano em tributo ao seu pai.

Irene Neto

O presidente moçambicano, Armando Guebuza, testemunhou a homenagem prestada em Maputo a Agostinho Neto, no âmbito das relações históricas entre a FRELIMO, Frente de libertação de Moçambique, no poder, e o MPLA.

O dvd em causa apresenta testemunhos de moçambicanos que privaram com Agostinho Neto, autor da proclamação da independência angolana.

O chefe de Estado moçambicano recordou o legado de Agostinho Neto.

Armando Guebuza, Presidente de Moçambique

A sede da UNESCO, Fundo das Nações Unidas para a cultura e educação, em Paris foi também palco de uma homenagem nesta quarta-feira.

Esta homenagem centrou-se na figura do poeta, já que a revista literária "Latitudes" consagrou um número em larga escala à obra de Agostinho Neto.

Manuel Jorge, presidente da Casa de Angola em Paris, evocou, com Liliana Henriques, a figura de Neto.

Manuel Jorge, Presidente da Casa de Angola em Paris

Com a colaboração de Orfeu Lisboa, correspondente em Moçambique

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Acompanhe toda a actualidade internacional fazendo download da aplicação RFI

Página não encontrada

O conteúdo ao qual pretende aceder não existe ou já não está disponível.