Convidado

Migrações e lusofonia em debate na UNESCO

Áudio 07:06
O jurista angolano Manuel Jorge e o antropólogo brasileiro Miltom Duran, na sede da UNESCO em Paris 1/10/13
O jurista angolano Manuel Jorge e o antropólogo brasileiro Miltom Duran, na sede da UNESCO em Paris 1/10/13 RFI

A sede da UNESCO em Paris foi ontem à noite palco de mais um encontro lusófono do programa "Vamos falar português". O serão que foi dedicado às migrações e ao sincretismo cultural contou com o antropólogo brasileiro, Miltom Duran, que discursou sobre os falares luso-brasileiros no Benim e no Togo e a comunidade afro-brasileira dos agudais e com o jurista angolano, Manuel Jorge, que estabelece uma íntima ligação entre as vagas de migrações lusófonas e a saudade.