Convidado

Pacheco Pereira: "Problema da Ucrânia só é resolvido com autonomia da parte oriental"

Áudio 07:11
Cartaz defende o referendo em Donetsk.
Cartaz defende o referendo em Donetsk. REUTERS/Marko Djurica

"Eu não defendo que as regiões do leste da Ucrânia, devam pertencer à Rússia. O que eu defendo é que tem que se encontrar uma solução, dando uma considerável autonomia à Ucrânia oriental.  (...) e que se essa autonomia não for conseguida, como aliás, acontece noutros países, é evidente, que com a radicalização do governo, em Kiev, essas populações, vão-se voltar para a Rússia. Há muito tempo que deveria ter havido a preopução, de falar com as duas metades da Ucrânia, porque a Ucrânia, de facto, tem duas metades." Palavras do nosso Convidado de hoje, Pacheco Pereira, historiador e analista político português, sobre a situação de conflito na Ucrânia, onde separatistas pró-Rússia, organizaram, este domingo, 11 de Maio, um referendo, a favor da independência do leste ucraniano. Um referendo, declarado ilegal pela União europeia e os Estados Unidos.