Acesso ao principal conteúdo
Guiné Bissau

Guiné Bissau adopta medidas de prevenção ao vírus ébola

Hospital Simão Mendes, Bissau.
Hospital Simão Mendes, Bissau. Liliana Henriques / RFI
Texto por: RFI
4 min

O Primeiro ministro guineense, Domingos Simões Pereira, disse durante uma acção de sensibilização sobre o virús ébola, que o seu país, está melhor preparado para enfrentar um eventual surto da febre hemorrágica.

Publicidade

Segundo Domingos Simões Pereira, o seu governo está satisfeito, com aquilo que tem sido a resposta nacional por parte da população? assim como dos parceiros da comunidade internacional.

 

As medidas adoptadas pelo governo de Bissau, parecem surtir efeito, em matéria de prevenção, e certamente que o encerramento das fronteiras com a vizinha Guiné Conacry, donde terá partido o vírus do ébola, é disso exemplo paradigmático, acrescentou o Primeiro Ministro, da Guiné Bissau.

 

"Temos agora que avaliar o nível desse controlo no terreno e verificar se podemos atender algumas demandas; demandas de ordem humanitária, demandas de ordem económica. Económica, porque sabemos que há várias regiões e zonas do país que recebem o fornecimento de produtos de primeira necessidade a partir dessas fronteiras", sublinhou à imprensa, o Primeiro Ministro da Guiné Bissau, Domingos Simões Pereira.

 

De Bissau, o nosso correspondente, Mussá Baldé.

 

Mussá Baldé, correspondente em Bissau

 

 

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Acompanhe toda a actualidade internacional fazendo download da aplicação RFI

Página não encontrada

O conteúdo ao qual pretende aceder não existe ou já não está disponível.