Acesso ao principal conteúdo
MOÇAMBIQUE

CNE de Moçambique rejeitou recurso da Renamo

Cristiana Soares
Texto por: RFI
3 min

A Comissão nacional de eleições de Moçambique chumbou o recurso da Renamo, maior partido da oposição, pedindo a anulação das eleições gerais de 15 de Outubro ganhas pela Frelimo, partido no poder, com maioria absoluta. Por sua vez o MDM, terceira maior força do país, apresentou ontem no Conselho constitucional um pedido de anulação do escrutínio.

Publicidade

A CNE julgou improcedente o pedido da Renamo de anular o escrutínio de 15 de Outubro.

O movimento da perdiz, o segundo mais votado no recente escrutínio, já terá dado conta da sua intenção em recorrer para o Conselho constitucional.

Por sua vez o terceiro maior partido, o MDM, alegando irregularidades cometidas em todo o país já remeteu a esse órgão um pedido de anulação das eleições.

Orfeu Lisboa, correspondente em Maputo, tem mais informação.

Correspondência de Moçambique

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Acompanhe toda a actualidade internacional fazendo download da aplicação RFI

Página não encontrada

O conteúdo ao qual pretende aceder não existe ou já não está disponível.