GUINÉ-BISSAU

Justiça na Guiné-Bissau sofre da corrupção e impunidade

Ministério da justiça em Bissau
Ministério da justiça em Bissau Colleen Taugher, Rue 89

Decorre na capital guineense até sexta-feira um seminário sobre a reforma do sector da justiça. A corrupção e a impunidade seriam os dois grandes males de acordo com um estado apresentado. A ministra, Carmelita Pires, apela a que o país tome medidas para sanear o panorama nacional.

Publicidade

Corrupção, falta de independência, impunidade, ineficiência, recursos humanos com fraca capacitação, infraestruturas e equipamentos ou inexistentes ou degradados, dificuldade do cidadão ter acesso à justiça, quadro legal obsoleto e tratamento desigual constam dos males apontados pelo estudo agora divulgado.

Mussá Baldé, correspondente na capital guineense, acompanha os trabalhos.

Correspondência da Guiné-Bissau

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Acompanhe toda a actualidade internacional fazendo download da aplicação RFI