Acesso ao principal conteúdo
Sudão do Sul

Nações Unidas estão alarmadas com abusos no Sudão do Sul

Nações Unidas estão alarmadas com abusos no Sudão do Sul
Nações Unidas estão alarmadas com abusos no Sudão do Sul REUTERS/Emre Rende
Texto por: RFI
3 min

As Nações Unidas estão alarmadas com abusos no Sudão do Sul e pediram uma solução sustentável para a crise através do diálogo inclusivo.

Publicidade

Altos funcionários das Nações Unidas estão alarmados com abusos no Sudão do Sul e pediram uma solução sustentável para a crise sul-sudanesa através do diálogo inclusivo.

O apelo feito em comunicado revela consternação com a escalada generalizada de violações e abusos, tais como assassínios extrajudiciais, rapto de mulheres e crianças, violações e outras formas de violência sexual, recrutamento e uso de crianças e destruição de propriedade.

O grupo quer que os envolvidos no conflito promovam a paz duradoura com base na prestação de contas e na reconciliação no Sudão do Sul, ressalvando que os combates agravaram a situação económica e humanitária já difícil no país.

Georges Chikoti, ministro das Relações Exteriores de Angola, faz o ponto da situação acerca do impasse negocial entre o presidente e o ex vice-presidente do Sudão do Sul.

Georges Chikoti, ministro das Relações Exteriores de Angola

Georges Chikoti entrevistado pelo nosso correspondente na Suíça, Rui Martins, à margem da deslocação do governante angolano à Suíça.
 

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Acompanhe toda a actualidade internacional fazendo download da aplicação RFI

Página não encontrada

O conteúdo ao qual pretende aceder não existe ou já não está disponível.