ANGOLA

Angola, campeã africana de andebol feminino

As palancas são assim as grandes vencedoras do 22° Campeonato Africano de Andebol que decorreu em Luanda.
As palancas são assim as grandes vencedoras do 22° Campeonato Africano de Andebol que decorreu em Luanda. REUTERS/Marko Djurica

 Angola sagrou-se ontem campeã africana de andebol feminino, ao vencer a Tunísia por 36 a 17. As palancas são assim as grandes vencedoras do 22° Campeonato Africano de Andebol que decorreu em Luanda. 

Publicidade

 Angola venceu uma final que ficou, no entanto, banhada em polémica. Isto deve-se sobretudo ao facto de a Tunísia ter intercedido para que o Senegal não conseguisse aceder à final (ainda que o tivesse conseguido ao vencer a Tunísia nas meias-finais) devido a um erro nas inscrições das atletas. 

A selecção senegalesa foi assim desqualificada, ficando o terceiro lugar para a selecção dos Camarões. 

Angola já tinha mostrado a sua qualidade nos Jogos Olímpicos, ao conseguir chegar aos quartos de final, onde seria derrotada pela selecção da Rússia (que viria a tornar-se na campeã olímpica da modalidade).

Nesta competição, Angola conseguiu provar que a modalidade está a um nível muito elevado, não tendo perdido um único jogo.

A selecção encontra-se assim numa situação de hegemonia total no continente africano relativamente ao andebol feminino: nas últimas 15 edições, a selecção angolana venceu 12 vezes. 

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Acompanhe toda a actualidade internacional fazendo download da aplicação RFI