Acesso ao principal conteúdo
Angola

Freedom House: Angola único país lusófono "não livre"

Freedom House
6 min

A organização norte-americana Freedom House, que monitoriza a liberdade no mundo, considera Angola o menos livre dos países afro-lusófonos e Cabo Verde o mais livre. 

Publicidade

O relatório da Freedom House sobre liberdade no mundo divulgado esta terça-feira (31/01) classifica Angola como o único país não livre no seio da lusofonia e Cabo Verde é no seio dos PALOP o país melhor classificado, em termos de direitos políticos, liberdades civis e liberdade de imprensa.

Numa escala de 1 a 7 Angola, na cauda, obteve 6 pontos o que equivale a país não livre, Cabo Verde com 1 ponto lidera o grupo afro-lusófono sendo considerado país livre, tal como São Tomé e Príncipe.

Moçambique com 4 pontos é considerado um país parcialmente livre, tal como a Guiné-Bissau que obteve 5 pontos nestes indicadores.

Portugal e Brasil são também classificados países livres e Timor Leste país parcialmente livre.

Guilherme Silva, presidente do SINPROF - Sindicato dos Professores de Angola - considera que "está-se a construir o país, mas ainda em cima do medo, muitos desenvolvem o síndroma de Estocolmo,muitos preferem se calar, com receio de sentir a sua pele chamuscar".

Guilherme Silva SINPROF

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Acompanhe toda a actualidade internacional fazendo download da aplicação RFI

Página não encontrada

O conteúdo ao qual pretende aceder não existe ou já não está disponível.