Acesso ao principal conteúdo
Angola

José Eduardo dos Santos citado em caso de corrupção

José Eduardo dos Santos, durante uma conferência de imprensa na sede da sua fundação FESA, Luanda, 21 de Novembro de 2018.
José Eduardo dos Santos, durante uma conferência de imprensa na sede da sua fundação FESA, Luanda, 21 de Novembro de 2018. AMPE ROGÉRIO/LUSA
Texto por: RFI
1 min

O antigo chefe de Estado angolano, José Eduardo dos Santos, foi citado por dois dos seus antigos colaboradores como tendo autorizado o desvio dos fundos do Conselho Nacional de Carregadores para beneficiar empresas particulares.

Publicidade

De acordo com a Voz da América, o nome de José Eduardo dos Santos foi citado durante o depoimento do antigo ministro dos Transportes de Angola. André Luís Brandão afirmou que o ex-chefe de Estado autorizou a participação dos 10% do órgão no Banco de Negócios Internacional.

Também o líder da Fundação Eduardo dos Santos, Ismael Diogo, declarou que a injecção de capitais nas empresas ASGM e CIMMA foram autorizadas pelo antigo Presidente da República.

Estas declarações foram proferidas no Supremo Tribunal de Angola durante o julgamento do ex-ministro dos Transportes, Augusto Tomás, detido desde Setembro, acusado de seis crimes, incluindo peculato, abuso de poder e branqueamento de capitais.

Trata-se da primeira vez que um antigo Chefe de Estado angolano é citado em casos de corrupção enquanto esteve no poder, 1979 até 2017.

 

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Acompanhe toda a actualidade internacional fazendo download da aplicação RFI

Página não encontrada

O conteúdo ao qual pretende aceder não existe ou já não está disponível.