Acesso ao principal conteúdo
Economia

Número de milionários no Brasil cresceu 12% em 2009

Reuters
Texto por: RFI
2 min

O país está na 11ª posição do ranking de nações com o maior número de milionários, segundo um levantamento feito pela consultoria francesa Capgemini e pelo banco norte-americano Merrill Lynch. O Brasil ganhou 16 mil novos milionários no ano passado, e conta agora com um total de 147 mil. Ao lado de China e Índia, o Brasil faz parte do grupo de países emergentes onde a expansão da riqueza foi mais acelerada.

Publicidade

Segundo o estudo sobre a riqueza mundial da consultoria Capgemini e do banco Merril Lynch, em 2009 o mundo contava dez milhões de milionários (em dólares), quase o mesmo número registrado em 2007. O aumento foi de 17 % em relação a 2008, ano em que o número de milionários, ou seja, pessoas com um patrimônio financeiro superior a US$ 1 milhão, sem contar a residência principal e os bens de consumo, caiu para 8,6 milhões. O relatório conclui ainda que as grandes fortunas mundiais já conseguiram se recuperar dos efeitos negativos da turbulência internacional e, em alguns casos, até acumularam mais bens do que possuíam antes da crise.

Os Estados Unidos continuam a liderar o ranking dos países com o maior número de milionários, com 2,86 milhões, seguido pelo Japão (1,65 milhões) e pela Alemanha (0,861 milhões). Esses três países concentram mais da metade da população mundial de milionários. A China aparece em quarto lugar, com um aumento de 31%.

Pela primeira vez, a região Ásia-Pacífico possui o mesmo número de milionários que a Europa, ou seja, 3 milhões. Mas os milionários asiáticos são mais ricos que seus colegas europeus. O patrimônio deles atingiu em 2009 a soma de US$ 9.700 bilhões, enquanto o dos milionários europeus não passa de US$ 9.500 bilhões. Segundo o estudo, isso se deve ao grande crescimento econômico e à boa saúde dos mercados asiáticos.

"Os mercados emergentes, sobretudo a Índia e a China, assim como o Brasil, impulsionaram a retomada da economia, e vão continuar a fazer isso", afirmou Bertrand Lavayssuère, diretor da divisão de serviços financeiros da Capgemini.
 

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Acompanhe toda a actualidade internacional fazendo download da aplicação RFI

Página não encontrada

O conteúdo ao qual pretende aceder não existe ou já não está disponível.