Cabo Verde

Agricultores caboverdianos podem comprar ração a preço reduzido

Zona da Assomada, na Ilha de Santiago, em Cabo Verde
Zona da Assomada, na Ilha de Santiago, em Cabo Verde Liliana Henriques

Em Cabo Verde, o ministro da Agricultura, Gilberto Silva assegurou que os agricultores e criadores de gado afectados pelo mau ano agrícola podem comprar ração a preço unificado e reduzido no país. O governante anunciou a medida no final da assinatura do protocolo de colaboração entre o Governo e as empresas de produção de ração.

Publicidade

O ministro da Agricultura e Ambiente, Gilberto Silva assegurou que os agricultores e criadores de gado afectados pelo mau ano agrícola podem comprar ração a preço unificado e reduzido em todo o país.

O governante caboverdiano, fez este anúncio no final da assinatura do protocolo de colaboração entre o governo e as empresas de produção e venda de ração, designadamente, Unidade de Produção de Ração Animal – Rações de Cabo Verde (Upranimal), Moagem de Cabo Verde (Moave), Suinave e Mutivet.

Gilberto Silva adiantou que esta parceria vai permitir produzir e colocar no mercado ração num preço unificado e reduzido a nível nacional permitindo assim o salvamento do gado, uma vez que Cabo Verde está a viver uma das piores secas das últimas décadas."

"O governo faz de tudo para suprimir aquilo que contribui na estrutura de custo e que é possível reduzir ou então isentar...", sublinhou o ministro.

Do lado dos empresários, o discurso é de união, como um deles declarou:

"A gente esquece um pouco de lucro, e de mãos dadas, fazermos o melhor para que não haja tanto sofrimento na alimentação dos gados".

De Cabo Verde, o nosso correspondente, Odair Santos. 

De Cabo Verde, o nosso correspondente, Odaír Santos

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Acompanhe toda a actualidade internacional fazendo download da aplicação RFI