Cabo Verde

Cabo Verde: Líderes partidários já votaram e apelaram à participação

Eleitores votam este domingo para as eleições legislativas em Cabo Verde.
Eleitores votam este domingo para as eleições legislativas em Cabo Verde. © Carina Branco

A líder do PAICV, Janira Hopffer Almada, espera “boa participação” neste escrutínio. O presidente do MpD, Ulisses Correia e Silva, apelou ao voto dos cabo-verdianos no arquipélago e na diáspora.

Publicidade

Ulisses Correia e Silva votou esta manha, pelas 10h00, no campus da UNI-CV no bairro do Palmarejo, na cidade da Praia. O presidente do Movimento para a Democracia (MpD) e recandidato ao cargo de primeiro-ministro apelou ao voto dos cabo-verdianos no arquipélago e na diáspora.

"Esperamos que haja uma boa participação, que as pessoas saiam de casa, exerçam o seu direito de cidadão, votando, aqui no país e na diáspora. Apelo ao voto, à participar. É um direito da cidadania, da democracia e da liberdade. Quanto mais as pessoas exercerem o seu direito de voto, mais a democracia sairá reforçada”, afirmou o presidente do Movimento para a Democracia.

Ulisses Correia e Silva votou esta manha no campus da uni-CV no bairro do Palmarejo, na cidade da Praia.
Ulisses Correia e Silva votou esta manha no campus da uni-CV no bairro do Palmarejo, na cidade da Praia. © LUSA - FERNANDO DE PINA

"É preciso um forte compromisso com o país, particularmente nesta fase mais difícil derivado à pandemia. Todos são chamados a darem o seu contributo, e neste momento esse contributo é o voto", lembrou Ulisses Correia e Silva.

Ulisses Correia e Silva, presidente do Movimento para a Democracia (MpD)

A presidente do  Partido Africano da Independência de Cabo Verde (PAICV), Janira Hopffer Almada, votou cerca de uma hora depois, no mesmo local, mas numa mesa ao lado. Na oposição desde 2016 e com o objectivo de levar o PAICV de volta ao poder, Janira Hopffer Almada disse esperar que "haja uma boa participação" eleitoral sem quaisquer "condicionalismos nem condicionamentos".

A presidente do Partido Africano da Independência de Cabo Verde (PAICV), Janira Hopffer Almada, votou num pólo da UNI-CV, no bairro do Palmarejo, na cidade da Praia
A presidente do Partido Africano da Independência de Cabo Verde (PAICV), Janira Hopffer Almada, votou num pólo da UNI-CV, no bairro do Palmarejo, na cidade da Praia © Carina Branco

“As expectativas são sobretudo que haja uma boa participação neste processo de votação para a escolha do destino do país nos próximos cinco anos”, afirmou Janira Hopffer Almada.

“Esperamos que não haja nenhum tipo de condicionalismos nem de condicionamento porque uma boa participação no processo de eleições é sobretudo uma garantia do reforço da democracia, é fundamental para o nosso Estado de direito democrático”, lembrou ainda.

Presidente do Partido Africano da Independência de Cabo Verde (PAICV), Janira Hopffer Almada

O Presidente da UCID, António Monteiro, votou quando eram 10H10 na mesa SV- T- 01, na escola Humberto Duarte Fonseca, que fica situada na zona de Fonte de Francês, na ilha de São Vicente. António Monteiro apelou aos cabo-verdianos para irem às urnas para evitar que a cidadania seja exercida por outros.

O Presidente da UCID, António Monteiro, votou na escola Humberto Duarte Fonseca, na ilha de São Vicente.
O Presidente da UCID, António Monteiro, votou na escola Humberto Duarte Fonseca, na ilha de São Vicente. © Odair Santos

"Votei com o sentido de poder ajudar Cabo Verde a ter um outro rumo, esperando que mais logo tenhamos um resultado que satisfaça as aspirações dos cabo-verdianos. Apelo a todos os eleitores cabo-verdianos, de Santo Antão a Brava e mesmo às nossas diásporas,que não deixem de exercer o direito de voto, não deixem a cidadania para ser exercida por outros", apelou o candidato da União Cabo-verdiana Independente e Democrática, António Monteiro.

Presidente da UCID, António Monteiro

O Presidente do  Partido Popular (PP), Amândio Barbosa Vicente, votou às 09h30, na Escola 13 de Janeiro, Palmarejo, na cidade da Praia. Em declarações à imprensa, Amândio Barbosa Vicente disse que saiu da mesa de assembleia de voto  com o “sentimento do dever cumprido”.

"Sinto que o trabalho está feito. Durante a campanha apresentamos as nossas propostas e agora temos o sentimento de trabalho cumprido. Vamos esperar e ver qual é a decisão do povo", acrescenta do candidato do PP.

Presidente do  Partido Popular, Amândio Barbosa Vicente

O presidente do Partido Social Democrático (PSD), João Além, exerceu o seu direito de voto numa assembleia, na Escola Luar em Terra Branca, na cidade da Praia. João Além mostrou-se preocupado com a pouca afluência às urnas e apelou à participação dos jovens nas eleições deste domingo.

Presidente do Partido Social Democrático, João Além

O líder interino do  Partido do Trabalho e da Solidariedade (PTS), Cláudio Sousa, votou numa assembleia em Covão Sanches, Ponta Gato,  município do Tarrafal, no interior da ilha de Santiago. Após votar depois das 10 horas da manhã, Cláudio Sousa falando à imprensa na língua cabo-verdiana, disse que o PTS chega às eleições com sentimento de dever cumprido.

Líder interino do Partido do Trabalho e da Solidariedade, Cláudio Sousa

Para estas eleições, Cabo Verde tem um total de 392.993 eleitores distribuídos no território nacional e na diáspora em 1481 mesas de voto. Desses, 340.241 eleitores estão no território nacional, que conta com 1245 mesas, e 52.752 votam em 236 mesas de outros 21 países.

A votação vai ainda definir o governo para os próximos cinco anos e acontece num momento de recordes diários de novos infectados por Covid-19 no arquipélago.

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Acompanhe toda a actualidade internacional fazendo download da aplicação RFI