Cabo Verde

"Espero que ganhe o que faça o melhor para o meu país"

"Use máscara e sorria com os olhos" lê-se junto a uma mesa de voto das eleições legislativas em Cabo Verde
"Use máscara e sorria com os olhos" lê-se junto a uma mesa de voto das eleições legislativas em Cabo Verde © Carina Branco

Este domingo, quase 393 mil pessoas são esperadas para escolherem 72 deputados ao parlamento entre 597 candidatos de seis partidos. As urnas encerraram às 18h00 locais, a RFI acompanhou este dia de eleições até ao encerramento das mesas de voto. "Espero que ganhe o que tiver mais votos e faça o melhor para o meu país", afirma uma eleitora.

Publicidade

No bairro da Achada de Santo António "a votação tem decorrido tranquilamente", como contou Lisângela dos Santos, assistente operacional da Comissão Nacional de Eleições. A assistente confirma que as medidas sanitárias foram respeitadas por parte dos eleitores.

"Durante o dia esteve tudo tranquilo. As pessoas respeitam as normas e usam todos a máscara, que é obrigatória", descreveu Lisângela dos Santos.

Na escola secundária Pedro Gomes, a afluência foi maior de manhã, indicou o presidente de uma das mesas de voto, Edmilson Tavares.

"No início da manhã assistimos a uma certa agitação, mas entretanto acalmou-se e está tudo a correr normalmente. As eleições deste domingo estão a ser mais calmas do que as últimas eleições", descreveu o presidente de uma mesa de voto.

Oriana de Pina votou às 16h30, não esperou nem 5 minutos para exercer o seu direito de voto; "vou votar agora e tenho aqui o meu cartão nacional de identificação, a minha caneta e o meu frasco de álcool gel", descreveu a eleitora, que instantes depois diz ter exercido o direito de voto, "exerci o meu dever e espero que ganhe o que tiver mais votos e faça o melhor para o meu país".

As urnas encerraram às 18h00 locais, a RFI acompanhou este dia de eleições até ao encerramento das mesas de voto.

Reportagem no fecho das urnas

Estas são as segundas eleições em Cabo Verde a decorrer em plena pandemia, depois das autárquicas no ano passado. Desta vez acontecem num momento de recordes diários de novos casos de Covid-19 no arquipélago, com o país a liderar a taxa de incidência em África. 

As urnas deverão fechar pelas 18h00. São chamados a votar, em Cabo Verde e na diáspora, quase 393 mil pessoas para escolherem 72 deputados ao parlamento entre 597 candidatos de seis partidos.

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Acompanhe toda a actualidade internacional fazendo download da aplicação RFI