Turismo/Cabo Verde

Cabo Verde aposta na divulgação do país como destino turístico seguro

As duas principais praias balneares da Cidade Praia, capital de Cabo Verde.
As duas principais praias balneares da Cidade Praia, capital de Cabo Verde. LUSA - FERNANDO DE PINA

Com maioria da população vacinada, o governo de Cabo Verde vai apostar na divulgação junto dos emissores de turistas de que Cabo Verde é um destino seguro. O anúncio foi feito pelo Ministro do Turismo e Transportes, Carlos Santos, durante a 2ª Edição do Fórum Mundial sobre o Investimento Turístico em África.

Publicidade

O governo avança que as condições sanitárias para o turismo recomeçar estão criadas e vai apostar agora na divulgação da informação junto dos países emissores de turistas. Garantias deixadas em declarações à rádio pública cabo-verdiana, pelo Ministro do Turismo e Transportes, Carlos Santos.

A vacina é o cartão postal para nós conseguirmos reposicionar Cabo Verde no mapa dos destino turísticos. É um destino pequeno, por isso, temos que apostar na comunicação e na promoção dessa informação. E, esse é o próximo desafio: fazer a divulgação dessa informação que temos a população vacinada, isto significa, que temos as condições sanitárias criadas para o turismo recomeçar” disse o ministro.

E, apesar da pandemia da covid-19, 2020 foi o melhor ano de sempre, em termos de captação de projetos turísticos para Cabo Verde que começam a chegar um pouco por todas as ilhas, como adiantou à televisão pública cabo-verdiana, o presidente da Cabo Verde Trade Invest, José Almada Dias.

“Pela primeira na história não foi nem o Sal, nem a Boa Vista a serem os campeões, foi o Maio em primeiro lugar, segundo Santiago e terceiro São Vicente. Este ano essa tendência está-se a repetir e provavelmente será São Vicente a ilha que receberá mais investimentos. Mas também há muito investimentos para Santiago, o Sal está a recuperar, há grandes projetos para Boa Vista, tem um bom projeto para a Brava. É o turismo a espalhar-se para todas as ilhas o que era um sonho de todos os cabo-verdianos” disse José Almada Dias.

As informações foram partilhadas aos mais de 200 participantes nacionais e estrangeiros da 2ª Edição do Fórum Mundial sobre o Investimento Turístico em África que terminou hoje na cidade de Santa Maria, na ilha do Sal.

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Acompanhe toda a actualidade internacional fazendo download da aplicação RFI