Combate excesso álcool/Cabo Verde

Cabo Verde combate uso excessivo de álcool com campanha “menos álcool mais vida”

Jorge Carlos Fonseca, Presidente da República de Cabo Verde.
Jorge Carlos Fonseca, Presidente da República de Cabo Verde. © Campanha menos álcool mais vida

Em Cabo Verde, o chefe de Estado, Jorge Carlos Fonseca, considera que há um "ambiente extremamente favorável" para combater o uso excessivo de álcool.

Publicidade

O Presidente da República, Jorge Carlos Fonseca, considera que os problemas decorrentes do uso excessivo de bebidas alcoólicas ainda não estão ultrapassados em Cabo Verde, mas afirma que há um ambiente extremamente favorável para combater o uso excessivo do álcool e exemplifica.

"Com uma frequência crescente são promovidas actividades desportivas e culturais nas quais é vedado o consumo de bebidas alcoólicas e realizadas discussões em torno de desafios colocados pelo uso moderado do álcool. Não me canso de realçar o facto de as Forças Armadas terem suprimido o consumo de álcool nos quartéis e de ter sido proibido o uso de bebidas alcoólicas nas festas escolares", disse o Presidente da República, Jorge Carlos Fonseca.

O chefe de Estado falava, enquanto mentor da campanha “menos álcool mais vida”, na cerimónia de lançamento do selo e da nova música alusivas à campanha, lançados no sábado, 19 de Setembro, na cidade da Praia e transmitida através das redes sociais, com o objectivo de alargar a mensagem de prevenção contra o uso abusivo de bebidas alcoólicas em Cabo Verde.

O selo foi produzido em parceria com os Correios de Cabo Verde e tem a assinatura do artista Domingos Luísa. A música foi coordenada pelo embaixador da campanha “menos álcool mais vida”, Djam Neguim, bailarino e coreógrafo e interpretação de Cremilda Medina, Jennifer Soledade, Neuza de Pina, Ga da Lomba, Grace Évora e Ruben Teixeira.

A campanha “menos álcool mais vida” iniciativa da Presidência da República conta com aprovação de 97 por cento da população cabo-verdiana e 80 por cento aprovam a nova lei do álcool, contrária às práticas há muito enraizadas nos hábitos e costumes dos cabo-verdianos que já causaram doenças, violências, mortes, instabilidade familiar e outras mazelas, individuais, familiares e sociais associadas ou agravadas pelo uso excessivo de bebidas alcoólicas.

Acompanhe aqui a página da campanha.

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Acompanhe toda a actualidade internacional fazendo download da aplicação RFI