Acesso ao principal conteúdo
Alstom/GE

França junta-se à americana GE e fica com 20% da Alstom

Usina da Alstom em Reichshoffen, no nordeste da França.
Usina da Alstom em Reichshoffen, no nordeste da França. REUTERS/Vincent Kessler
2 min

A França finalmente se decidiu nesta sexta-feira (20) em favor da americana General Electric pelos ativos de energia da Alstom, com a imposição de muitas condições. O Estado francês também anunciou que entra no capital do grupo industrial com 20%, rejeitando a oferta da alemã Siemens e da japonesa Mitsubishi Heavy Industries.

Publicidade

O ministro francês da Economia, Arnaud Montebourg, disse que nem a oferta da General Electric (GE) nem a oferta conjunta da Siemens com a Mitsubishi Heavy Industries (MHI) pelos ativos de energia da Alstom tinham atendido as demandas do governo, mas acrescentou que a França iria trabalhar com a GE para definir uma nova proposta.

O Estado francês irá comprar uma participação de 20 por cento na Alstom do acionista principal Bouygues a preço de mercado, disse Montebourg, em coletiva de imprensa, acrescentando que é vital que os principais centros de decisão do grupo permaneçam na França.

No começo da semana, a Siemens e a Mitsubishi Heavy Industries apresentaram uma proposta conjunta de € 14,2 bilhões, que incluiu € 7 bilhões em dinheiro, desafiando a oferta General Electric. Sob o acordo, a Siemens fez a oferta para comprar o negócio de turbinas a gás da Alstom por € 3,9 bilhões em dinheiro e a Mitsubishi para comprar participações em ativos de energia da Alstom, incluindo equipamentos de energia hidrelétrica e de rede, a serem realizadas em joint ventures separadas.

Trens de alta velocidade

A Alstom, mais conhecida no exterior por fazer trens de alta velocidade, emprega 18 mil pessoas na França, ou cerca de um quinto de sua força de trabalho. A empresa foi resgatada pelo Estado há uma década e, desde então, dependeu principalmente de encomendas públicas para equipamentos de energia e transporte ferroviário.
 

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Acompanhe toda a actualidade internacional fazendo download da aplicação RFI

Página não encontrada

O conteúdo ao qual pretende aceder não existe ou já não está disponível.