Suíça/Economia

Fórum de Davos prevê recorde de participação, incluindo 14 prêmios Nobel

O banqueiro Roberto Egydio Setubal vice-presidente do Itaú Unibanco.
O banqueiro Roberto Egydio Setubal vice-presidente do Itaú Unibanco. Reuters/Paulo Whitaker

Os organizadores do Fórum Econômico Mundial de Davos anunciaram nesta terça-feira (6) que o evento, marcado para 21 a 24 de janeiro na Suíça, terá uma participação recorde de 300 chefes de Estado, ministros e funcionários de governo. A lista detalhada dos participantes será divulgada no dia 14.

Publicidade

O tema em debate nesta 45ª edição do fórum é o "Novo Contexto Global". Este ano, as salas de conferência em Davos verão desfilar 2.500 participantes de 140 países. A disputada lista de convidados conta com líderes econômicos; acadêmicos, incluindo 14 prêmios Nobel; representantes de organizações internacionais e da sociedade civil, além da imprensa.

O fundador e presidente do fórum, Klaus Schwab, considera que os líderes de hoje enfrentam desafios sem precedentes "pela sua complexidade, velocidade e interconexão". "Encontrar uma maneira de navegar com sucesso em 2015 é uma prioridade crucial para cada líder, não só para garantir um crescimento sustentável, mas para reconstruir a confiança", afirma Schwab em comunicado.

Dilma e Setubal em Davos

A ida da presidente Dilma Rousseff a Davos é praticamente certa. Entre os co-presidentes do evento, a nota do fórum destaca o brasileiro Roberto Egydio Setubal, CEO e vice-presidente do Itaú Unibanco, assim como Jim Yong Kim, presidente do Banco Mundial, Eric Schmidt, do Google, e Winnie Byanyima, diretora-geral da ONG Oxfam International.

A pedido do secretário-geral das Nações Unidas, o fórum também vai discutir a agenda do desenvolvimento a partir de 2015, prazo estabelecido pela ONU para a comunidade internacional cumprir os Objetivos de Desenvolvimento do Milênio (ODM ). As principais metas são a redução da pobreza extrema e garantir o acesso à educação primária.

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Acompanhe toda a actualidade internacional fazendo download da aplicação RFI