França/Futebol

Federação Francesa de Futebol demite Domenech por justa causa

Raymond Domenech teve atitudes antiéticas, segundo a Federação Francesa de Futebol.
Raymond Domenech teve atitudes antiéticas, segundo a Federação Francesa de Futebol. GettyImages

 Depois do fiasco da seleção na Copa do Mundo, a notícia não foi surpresa para ninguém. O técnico colecionou gafes e atitudes antiéticas que desagradaram à instância maior do futebol francês.

Publicidade

A FIFA enviou neste domingo uma carta de demissão ao técnico da seleção francesa Raymond Domenech que, oficialmente, ainda fazia parte do quadro dos funcionários da DTN, a Direção Técnica Nacional, organismo responsável pelo esporte do país.

A informação foi dada pela agência de noticias France Press, confirmando o fato que já estava sendo divulgado pela televisão francesa e pela Radio France Info. Esta última afirma que Domenech foi despedido por justa causa.

O presidente interino da Federação, Fernand Duchaussoy, já tinha criticado alguns fatos inaceitáveis, segundo ele, contrários à ética do futebol. Alguns exemplos: a recusa de Domenech de dar a mão ao técnico brasileiro e adversário de jogo Carlos Alberto Parreira, treinador da Africa do Sul, além de não ter informado a presidência da Federação, que estava no local da Copa, do conflito ocorrido com Anelka no meio tempo do jogo entre França e México, que culminou com a expulsão do jogador da seleção. Outra bronca, a leitura do comunicado dos jogadores grevistas à imprensa, no dia 20 de junho, em Knysna.

Se a justa causa fôr retida, a demissão de Domenech não dará direito a indenizações, mas o ex-treinador ainda pode recorrer diante de uma instância especial francesa chamada Prud'Hommes, que julga exclusivamente causas trabalhistas.

O jornal popular Le Parisien calcula que as indenizações de Domenech devem ficar entre 300 mil e 500 mil euros, entre 670 mil e 1,1 milhão de reais.
 

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Acompanhe toda a actualidade internacional fazendo download da aplicação RFI