Brasil ganha medalha de prata na abertura do mundial de judô no Japão

Alem da brasileira Mayra, a norte-americana Kayla Harrison disputou o campeonato com a francesa  Celine Lebrun.
Alem da brasileira Mayra, a norte-americana Kayla Harrison disputou o campeonato com a francesa Celine Lebrun. Reuters

A judoca gaúcha Mayra Aguiar, de 19 anos, conquistou uma medalha de prata para o Brasil já no primeiro dia da competição, um resultado inédito para o país.

Publicidade

O judô brasileiro estreou com garra no mundial de judô disputado em Tóquio. A gaúcha Mayra Aguiar, de 19 anos, conquistou uma medalha de prata disputando na categoria peso meio-pesado. Mayra enfrentou um combate travado contra a norte-americana Kayla Harrison. A brasileira atacou mais do que a adversária, mas o duelo foi ganho pela norte-americana. Kayla ficou com a medalha de ouro depois de aplicar um yuko na brasileira no tempo suplementar. Mayra fez uma ótima apresentação em Tóquio, chegando à final depois de passar pelas finalistas dos Jogos Olímpicos de Pequim.

Outra brasileira em competição nesta quinta-feira no Japão foi Maria Suellen Altheman. Ela foi derrotada logo na primeira luta, por ippon, pela japonesa Maki Tsukada, que acabou conquistando o terceiro lugar na categoria peso pesado.

No judô masculino, a equipe brasileira passou raspando pelo bronze. O peso pesado Rafael Silva disputou o terceiro lugar contra o francês Matthieu Bataille, depois de passar pela repescagem, mas acabou perdendo do rival. O ouro na categoria peso pesado ficou para o judoca francês Teddy Rinner, acostumado ao topo do pódio. Riner se consagrou tricampeão mundial ao vencer o alemão Andreas Toelzer, medalha de prata. Na mesma categoria, Walter Santos foi eliminado logo na estreia pelo ucraniano Stanislav Bondarenko.

 

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Acompanhe toda a actualidade internacional fazendo download da aplicação RFI