Blatter anuncia que vai disputar último mandato como presidente da FIFA

Joseph Blatter presidente da FIFA
Joseph Blatter presidente da FIFA Reuters

O presidente da Federação Internacional de Futebol, Joseph Blatter, confirmou que vai disputar mais um mandato, o último, segundo ele, para se manter à frente da entidade máxima do esporte. O anúncio foi feito nesta terça-feira, em Paris, durante Congresso da UEFA, a Federação Europeia de Futebol.

Publicidade

"A UEFA é muito próxima do coração da Fifa, eu convido vocês ao Congresso da FIFA em 1° de junho, em Zurique, para continuar a trabalhar com a Fifa, com seu presidente", disse Joseph Blatter. "Vocês sabem que eu vou brigar por mais 4 anos, serão os últimos 4 anos", prometeu Blatter.

Durante o evento, o presidente aproveitou para fazer campanha e divulgar sua visão do futebol que segundo Blatter, é " uma espécie de escola da vida" que deve ter um papel importante na educação da juventude e ser apoiado pelos governos nos aspectos de saúde e educação.

Mas Blatter também comentou sobre os problemas que atingem o esporte mais popular do planeta. "O futebol também é atormentado por todos os demônios do mundo e no jogo, sempre se tenta trapacear", justificou.
Joseph Blatter também lamentou os escândalos de jogos manipulados que chamou de "apostas ilegais" e evocou os "escândalos de corrupção que fazem mal à família do futebol". "É por isso que no próximo Congresso da Fifa vamos ter tolerância zero com as apostas, mais educação e sobretudo respeito com os árbitros, mas também fora do gramado.
A comissão de disciplina existe no campo, a comissão de ética fora dele, e é preciso agir", afirmou.

Blatter fez referência ao escândalo de corrupção que atingiu o comiê executivo da Fifa em 2010 quando dois de seus membros, Reynald Temarii, do Tahiti, e Amos Adamu, da Nigéria, foram punidos por terem violado os códigos de ética da organização durante o processo de escolha das sedes dos Mundiais de 2018 e 2002. Os dois foram acusados de negociar seus votos.

O suíço Joseph Blatter, de 75 anos, foi eleito pela primeira vez como presidente da Fifa em 1998 e vai disputar seu quarto mandato. O presidente da Confederação Asíatica de futebol, Mohamed Bin Hammam, do Catar, também já anunciou sua candidatura.

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Acompanhe toda a actualidade internacional fazendo download da aplicação RFI