Acesso ao principal conteúdo
Esporte/Eurocopa

Poloneses dão o pontapé inicial da Eurocopa 2012

Cerimônia de abertura da Eurocopa, em Varsóvia, nessa sexta-feira.
Cerimônia de abertura da Eurocopa, em Varsóvia, nessa sexta-feira. REUTERS/Leonhard Foeger
Texto por: RFI
2 min

Os poloneses deram o pontapé inicial da Eurocopa 2012 nessa sexta-feira com um jogo contra a seleção da Grécia. Após uma cerimônia de abertura da competição, que é sediada pela Polônia e a Ucrânia esse ano, a primeira disputa terminou empatada.

Publicidade

Varsóvia lançou nessa sexta-feira a Eurocopa 2012 com um espetáculo que contou com a participação de 800 voluntários que dançaram no gramado do estádio, coberto para a ocasião com uma gigantesca lona azul. Cerca de 60 mil torcedores assistiram à cerimônia, que marca o primeiro grande evento esportivo internacional a ser realizado em um país do leste europeu desde a queda do Muro de Berlim. A competição é sediada esse ano pela Polônia e a Ucrânia.

Apesar do entusiasmo dos donos da casa, o jogo de abertura contra a Grécia terminou em 1 a 1. O segundo jogo da noite foi entre a Rússia e a República Checa, e terminou com a vitória dos russo por 4 a 1.

Antes mesmo de sua abertura, a Eurocopa já foi marcada por uma polêmica. Torcedores poloneses foram acusados de insultos racistas contra os jogadores da Holanda durante um treino aberto. A UEFA afirmou nessa sexta-feira que trata-se apenas de "alguns incidentes isolados".

Já a Ucrânia, que também acolhe a competição, foi alvo das críticas de vários líderes políticos, que boicotaram o evento em sinal de apoio à Iúlia Timochenko. A opositora ucraniana está detida em Kharkiv, uma das quatro cidades que hospedam a Eurocopa. 

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Acompanhe toda a actualidade internacional fazendo download da aplicação RFI

Página não encontrada

O conteúdo ao qual pretende aceder não existe ou já não está disponível.