Acesso ao principal conteúdo
Fifa/ Copa 2014

Fifa volta para vistoriar 3 estádios e vai definir futuro da Arena de Curitiba

Visita ao estádio Arena da Baixada em Curitiba, 21 de janeiro de 2014. Jérôme Valcker criticou a demora nas obras.
Visita ao estádio Arena da Baixada em Curitiba, 21 de janeiro de 2014. Jérôme Valcker criticou a demora nas obras. REUTERS/Rodolfo Buhrer
Texto por: Elcio Ramalho
2 min

A Fifa anunciou nesta quarta-feira (12) que o secretário-geral da entidade, Jérôme Valcke, vai estar no Brasil a partir deste final de semana para vistoriar mais três estádios. Durante a visita também será definida a permanência ou não de Curitiba como uma das sedes da Copa.

Publicidade

Jérôme Valcke vai começar a nova visita por Manaus neste domingo (16). Na companhia do ministro Aldo Rebelo, ele deverá vistoriar as obras da Arena Amazônia, que está em fase de conclusão. Na segunda-feira o secretário-geral da Fifa vai estar em Brasília para rever o estádio Mané Garrincha, já usado na Copa das Confederações no ano passado.

E o terceiro compromisso de Valcke será em Porto Alegre para ver de perto o Beira-Rio, outro estádio previsto para ter sido entregue até 31 de dezembro mas que atrasou.

Nesta nova visita, a Fifa também deverá decidir se mantém Curitiba como uma das sedes da Copa. A Arena da Baixada, do Atlético Paranaense, é o estádio mais atrasado e numa visita anterior, Jérôme Valcke deu um prazo até o dia 18 para as obras avançarem. Na semana passada a Fifa chegou a comentar que a obra na capital paranaense "avança na direção certa". Não está prevista uma visita de Valcke ao estádio.

A decisão sobre a Arena da Baixada será tomada durante o seminário que a Fifa organiza nos dias 19 e 20 de fevereiro em Florianópolis com a presença dos treinadores das 32 equipes classificadas para a Copa. O Comitê Organizador Local (COL) da Copa também agendou uma reunião para o dia 21 de fevereiro.
 

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Acompanhe toda a actualidade internacional fazendo download da aplicação RFI

Página não encontrada

O conteúdo ao qual pretende aceder não existe ou já não está disponível.