Acesso ao principal conteúdo
Copa/Ribéry

Lesão nas costas tira francês Franck Ribéry da Copa

O atacante Franck Ribéry não vai para a Copa no Brasil.
O atacante Franck Ribéry não vai para a Copa no Brasil. REUTERS/Benoit Tessier
2 min

Depois de semanas de especulações, o corte do atacante Franck Ribéry, maior estrela do futebol francês, foi confirmado nesta sexta-feira (6), pelo técnico da seleção dos “bleues” (azuis), Didier Deschamps. Além do jogador do Bayern de Munique, que sofre de forte lombalgia, outra baixa é do meia Clément Grenier, com problemas na coxa.

Publicidade

Para completar a lista dos 23 convocados, Deschamps chamou Rémy Cabella e Morgan Scheiderlin.

Ribéry chegou à preparação já com dores dorsais e começou a receber tratamento desde o dia 24 de maio. Sem se restabelecer, o francês não jogou os amistosos contra a Noruega e o Paraguai.

O craque francês passou segunda e terça, dias de repouso para os jogadores franceses, no sul da França, mas continuou tratamento com um dos fisioterapeutas da seleção. O objetivo de Deschamps era que Ribéry estivesse em condições de participar do último jogo antes da equipe viajar para o Brasil, no domingo, contra a Jamaica, em Lille, norte da França.

Desde que ficou em terceiro lugar na disputa da Bola de Ouro, atrás de Cristiano Ronaldo e Lionel Messi, Ribéry tem passado por crises de depressão e várias lesões. O desempenho do jogador também vinha sendo mediano nos últimos meses. Ele não jogou mais desde a final da Copa da Alemanha, dia 17 de maio.

Já Clément Grenier sentiu uma violenta dor na coxa na quinta-feira. Os exames de ressonância magnética revelaram que a recuperação da lesão nos adutores não seria possível em poucos dias.
 

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Acompanhe toda a actualidade internacional fazendo download da aplicação RFI

Página não encontrada

O conteúdo ao qual pretende aceder não existe ou já não está disponível.