Tênis/Copa Davis

Federer vence Gasquet e leva título da Copa Davis para Suíça

O suiço Roger Federer festeja a vitória na Copa Davis.
O suiço Roger Federer festeja a vitória na Copa Davis. REUTERS/Gonzalo Fuentes

Roger Federer entrou para a história neste domingo (23) ao conquistar a primeira Copa Davis de tênis para a Suíça. Ao derrotar o francês Richard Gasquet por 3 sets a 0, o n°2 mundial deu a seu país uma vitória que estava sendo esperada há 22 anos.

Publicidade

Desde que Jakob Hlasek e Marc Rosset perderam para os Estados Unidos na final da Copa Davis em 1992 que os suíços esperavam para poder gravar o nome do país no troféu. A revanche veio finalmente neste domingo contra a França, no estádio Pierre Mauroy, em Lille, que foi adaptado para a instalação de uma quadra de saibro especialmente para o torneio.

Inicialmente Federer deveria jogar a final contra Jo-Wilfried Tsonga, mas o francês não pode competir por causa de dores do cotovelo. A equipe preferiu apostar em Gasquet, 26º colocado do ranking da ATP, mas após 1h52 de partida, o suíço fechou o placar por 3 sets a 0, com parciais de 6/4, 6/2 e 6/2.

Apesar de não ter conquistado nenhum título de Grand Slam, esta temporada é vista como uma ressurreição para Federer, que voltou às quadras, aos 33 anos de idade, após um ano de 2013 praticamente perdido por causa de problemas de coluna. Com a vitória deste domingo, o suíço, que já conquistou uma medalha de prata nos Jogos Olímpicos de 2002, 17 títulos de Grand Chelem, seis Masters e um ouro em dupla, completa praticamente todos os grandes títulos do tênis mundial. A última etapa para o atleta é uma vitória olímpica individual. Até agora, apenas dois tenistas chegaram ao mesmo nível que Federer : no norte-americano Andre Agassi e o espanhol Rafael Nadal. 

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Acompanhe toda a actualidade internacional fazendo download da aplicação RFI