Acesso ao principal conteúdo
Vulcão/Islândia

Vulcão islandês fecha aeroportos na Alemanha

Painel exibe voos cancelados no aeroporto de Hamburgo, na Alemanha.
Painel exibe voos cancelados no aeroporto de Hamburgo, na Alemanha. Reuters
Texto por: Adriana Moysés
2 min

A nuvem de cinzas do vulcão Grimsvoetn chegou hoje ao norte da Alemanha e provocou o fechamento dos aeroportos de Hamburgo, Bremen e Berlim. Ao todo, 700 voos dos 8 mil previstos para cruzar o céu na Alemanha deverão ser cancelados nesta quarta-feira, segundo a agência Eurocontrol. A Islândia informou esta manhã que a atividade do vulcão cessou. 

Publicidade

O serviço de meteorologia da Islândia informou que a atividade do vulcão Grimsvoetn, iniciada no último sábado, cessou. Desde 5 horas da manhã, no horário local, não se vê mais fumaça e apenas vapor é expelido pelo vulcão. Porém, como a nuvem de cinzas ainda não se dissipou totalmente, o tráfego aéreo no norte da Europa segue prejudicado.

A Lufthansa, maior companhia aérea alemã, informou que 150 voos serão cancelados nesta quarta-feira. Das três cidades do norte da Alemanha, Hamburgo é a mais afetada com 480 pousos e decolagens diariamente. As autoridades alemãs afirmam, no entanto, que os aeroportos de Frankfurt e Munich, os de maior movimento no país, não serão afetados. Segundo o ministro dos Transportes Peter Ramsauer, o tráfego aéreo no país deverá voltar ao normal progressivamente até 19 horas, no horário local. Além da Alemanha, certas regiões da Polônia podem ter voos cancelados durante o dia.

Apesar da erupção do vulcão islandês ter bloqueado milhares de passageiros ontem na Grã-Bretanha, a Comissão Europeia descarta um cenário de caos aéreo na Europa.

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Acompanhe toda a actualidade internacional fazendo download da aplicação RFI

Página não encontrada

O conteúdo ao qual pretende aceder não existe ou já não está disponível.