Acesso ao principal conteúdo
Grécia/Crise

Sem interlocutor, FMI suspende contato com Grécia até eleições

A diretora-gerente do FMI afirmou que a instituição "está pronta para tudo".
A diretora-gerente do FMI afirmou que a instituição "está pronta para tudo". Reuters
2 min

Sem um interlocutor legítimo, o Fundo Monetário Internacional anunciou nesta quinta-feira que se recusa a trabalhar com o governo interino grego e prefere esperar as novas eleições legislativas antecipadas de 17 de junho para continuar as negociações. Analistas não descartam a possibilidade do país sair da zona do euro.  

Publicidade

O FMI pretende continuar o diálogo com a Grécia, mas com um verdadeiro governo e não com um gabinete temporário criado apenas para despachar assuntos correntes. Assim, a instituição não hesitou em colocar o país em banho-maria até junho, aguardando o resultado das eleições.

A iniciativa tem lógica.O governo atual não tem um Parlamento à sua disposição, já que o mesmo será dissolvido nesta sexta-feira, conforme exige a Constituição. Em outras palavras, impossível aplicar as medidas que o Fundo exige da Grécia. Para complicar a situação, o FMI espera que seu programa econômico seja apoiado pela opinião pública, o que não é absolutamente o caso, ao contrário.

A prova está nos resultados das legislativas de 6 de maio, que presenciou a ascensão de partidos menores cujas campanhas eram baseadas na rejeição ao plano de austeridade arquitetado pelo FMI , Banco Central Europeu e União Europeia. E foi esta fragmentação que impediu a Grécia de formar uma coalizão com meios de aplicar as medidas. Com o cinto apertado, os gregos não acham justo pagar pelos erros dos governantes, que levaram o país para a beira do abismo.

Para os analistas econômicos, o panorama da saída da Grécia da zona do euro é cada vez mais evidente. E o próprio FMI reconhece isto. A diretora-gerente do Fundo, Christine Lagarde, afirmou que seu trabalho é estar "pronta para tudo".

 

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Acompanhe toda a actualidade internacional fazendo download da aplicação RFI

Página não encontrada

O conteúdo ao qual pretende aceder não existe ou já não está disponível.