Acesso ao principal conteúdo
Noruega/Massacre

Noruega lembra um ano do massacre de Anders Breivik

Primeiro-ministro norueguês Jens Stoltenberg e rei Harald (d) durante cerimônia em homenagem às vítimas.
Primeiro-ministro norueguês Jens Stoltenberg e rei Harald (d) durante cerimônia em homenagem às vítimas. REUTERS/Berit Roald/NTB Scanpix
Texto por: RFI
2 min

Esse domingo marca um ano do massacre que deixou 77 mortos na Noruega, quando o extremista de Anders Breivik explodiu um carro na capital antes de metralhar dezenas de jovens na ilha de Utoya. Milhares de pessoas se reuniram em Oslo para homenagear as vítimas do atirador Anders Breivik, que espera o resultado de seu julgamento.

Publicidade

Dezenas de milhares de pessoas se reuniram nesse domingo em Oslo para prestar homenagem às 77 vítimas fatais do massacre ocorrido há exatamente um ano no país. A cerimônia contou com a participação de sobreviventes e parentes das vítimas, mas também da família real e do primeiro-ministro, Jens Stoltenberg. “Temos que celebrar os mortos e saborear a vida", disse o premiê em um discurso durante o evento.

Segundo a polícia local, 50 mil pessoas enfrentaram a chuva para participar da cerimônia, que foi transmitida ao vivo pela televisão pública norueguesa. Em seguida, jovens militantes do partido trabalhista se reuniram na ilha de Utoya, onde Anders Breivik matou 69 pessoas, a maioria estudantes, após ter explodido uma bomba perto da sede do governo. A deflagração fez oito mortos.

O aniversário do massacre também teve a participação de artistas, que deram um show em homenagem às vítimas. O cantor Bruce Springsteen foi uma das estrelas do concerto, que também contou com vários grupos e músicos locais.

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Acompanhe toda a actualidade internacional fazendo download da aplicação RFI

Página não encontrada

O conteúdo ao qual pretende aceder não existe ou já não está disponível.