Acesso ao principal conteúdo
Cúpula europeia

Merkel defende veto europeu sobre orçamentos de países do bloco

A chanceler alemã Angela Merkel.
A chanceler alemã Angela Merkel. REUTERS/Thomas Peter
Texto por: RFI
3 min

Os chefes de governo e Estado da UE se reúnem a partir desta quinta-feira, em Bruxelas, para discutir o futuro da união econômica e monetária do bloco e o orçamento para a zona do euro. Outra grande expectativa da cúpula de dois dias é o pedido de resgate da Espanha. Antes do início da cúpula, a chanceler alemã Angela Merkel defendeu o direito de veto da União Europeia sobre os orçamentos nacionais dos países do bloco.

Publicidade

Antes de embarcar para Bruxelas, a líder alemã Angela Merkel defendeu esta manhã em um discurso diante do parlamento, a ideia de confiar ao comissário Europeu para as questões econômicas o direito de veto sobre os orçamentos nacionais dos estados membros. O veto seria possível quando os países não respeitarem os limites estabelecidos para garantir a estabilidade e o crescimento. Merkel também disse que a Espanha deve decidir sozinha se precisa de uma ajuda suplementar, além dos 100 bilhões de euros oferecidos pela União europeia para recapitalizar seus bancos.

Já o presidente François Hollande defende uma mutualização parcial das dívidas por meio da emissão de títulos europeus, os chamados eurobonds. Ele avaliou em uma entrevista publicada hoje por vários jornais europeus a poucas horas da abertura da cúpula que o bloco está prestes a sair da crise da dívida soberana.

Cúpula europeia

A cúpula dos chefes de Estado e de Governo da União Europeia começa na tarde desta quinta-feira, em Bruxelas. Neste primeiro dia de discussão, os líderes europeus pretendem discutir aspectos mais específicos sobre a proposta de união bancária e do órgão europeu para supervisão. Oara evitar futuras crises bancárias, a Comissão Européia propôs que o Banco Central Europeu tenha mais poder e possa monitorar o desempenho dos 6 mil bancos existentes no bloco, criando o chamado mecanismo de supervisão bancária.

Quanto ao possível pedido de resgate da Espanha circula em Bruxelas que o governo espanhol deve pedir esta ajuda na semana que vem. Segundo os rumores, este socorro à Madri deve estar incluído em um super pacote, com empréstimos também para a Grécia e Chipre.
 

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Acompanhe toda a actualidade internacional fazendo download da aplicação RFI

Página não encontrada

O conteúdo ao qual pretende aceder não existe ou já não está disponível.