Acesso ao principal conteúdo
Chipre/Crise

Chipre prepara reabertura dos bancos tentando evitar fuga de capitais

Bancários e estudantes secundarias protestaram na terça-feira, 26 de março em Nicósia, contra o plano de resgate do Chipre.
Bancários e estudantes secundarias protestaram na terça-feira, 26 de março em Nicósia, contra o plano de resgate do Chipre. Reuters
Texto por: RFI
2 min

O governo do Chipre afirma nesta quarta-feira, 27 de março de 2013, que está fazendo um esforço sobre-humano para preparar a abertura dos bancos do país, prevista para amanhã, após 12 dias de fechamento. O objetivo é evitar uma fuga em massa de dinheiro do país.

Publicidade

Na última noite em Nicósia, uma manifestação reunindo bancários e secundaristas preocupados com o futuro de Chipre indica que a tensão que continua no país. Após 12 dias sem bancos, a economia cipriota está em ponto-morto, teme-se uma onda de falências de pequenas empresas e a desconfiança da população aumenta a cada dia. Por enquanto, cada correntista só pode retirar no máximo 100 euros por dia nos caixas automáticos.

A expectativa com as medidas que serão anunciadas para permitir finalmente a reabertura dos bancos amanhã é grande. É certo que o governo vai impor restrições para evitar um grande movimento de capitais, mas o presidente do Banco Central de Chipre, Panicos Demetriades, garante que essas restrições não serão severas.

A principal dificuldade do governo cipriota é garantir a solidez do Banco de Chipre, o maior do país, que terá os depósitos bancários superiores a 100 mil euros taxados em pelo menos 40%. Além disso, a instituição deve absorver as contas do Banco Laiki o segundo banco do país, que deixará de existir.

Para evitar a falência, Chipre aceitou reduzir drasticamente seu sistema bancário em troca de uma ajuda de 10 bilhões de euros da União Europeia, do FMI e do Banco Central Europeu. O plano de resgate ainda não tranqulizou completamente os mercados internacionais, mas as principais bolsas europeias abriram em leve alta nesta quarta-feira.

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Acompanhe toda a actualidade internacional fazendo download da aplicação RFI

Página não encontrada

O conteúdo ao qual pretende aceder não existe ou já não está disponível.