Itália/Crise

Milhares de pessoas protestam em Roma contra austeridade

Des milliers de personnes ont manifesté samedi à Rome contre la politique d'austérité et le taux de chômage élevé.
Des milliers de personnes ont manifesté samedi à Rome contre la politique d'austérité et le taux de chômage élevé. REUTERS/Stefano Rellandini

Milhares de pessoas protestaram neste sábado, 18 de maio de 2013, nas ruas de Roma contra o desemprego e a política de austeridade do governo. Uma primeira advertência ao novo governo italiano, comandado pelo primeiro-ministro Enrico Letta.

Publicidade

A manifestação, a primeira desde a formação do novo governo em abril, foi convocada pelo sindicato dos metalúrgicos. Os manifestantes pedem ao primeiro-ministro esforços para tirar a segunda economia da zona do euro da recessão, principalmente criando empregos. Eles carregavam bandeiras vermelhas e cartazes onde se lia “Não podemos mais esperar” ou “Precisamos de dinheiro para viver”.

A popularidade da coalizão italiana, que reúne a direita, o centro e a esquerda já começa a cair. Uma pesquisa de opinião publicada na sexta-feira indica que apenas 34% dos italianos aprovam o governo de Letta. O resultado representa uma queda de 10% da popularidade desde o inicio do mês.

O novo primeiro-ministro prometeu fazer da luta contra o desemprego sua prioridade, mas os manifestantes não estão satisfeitos com as primeiras decisões anunciadas. Ontem, o primeiro-ministro anunciou a liberação de um milhão de euros suplementares para os desempregados e a suspensão do pagamento do imposto predial e territorial. Mas os sindicatos afirmam que a prioridade não é o IPTU e sim a criação de empregos e os investimentos. Eles reivindicam o fim das demissões e a criação de um salário mínimo cidadão.

A coalizão chefiada por Enrico Letta assumiu o poder após quase dois meses de paralisia política, provocada pelo resultado das eleições parlamentares italianas que não deram uma maioria clara a nenhum partido.

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Acompanhe toda a actualidade internacional fazendo download da aplicação RFI