Bulgária/ abandono

Pais de menina encontrada na Grécia podem ser ciganos búlgaros

Um cartaz com a foto de Maria é exibido na recepção da entidade social onde a menina se encontra .
Um cartaz com a foto de Maria é exibido na recepção da entidade social onde a menina se encontra . REUTERS/John Kolesidis

Um casal de ciganos búlgaros suspeito de ser os pais da menina Maria, encontrada um acampamento cigano na Grécia, foi interrogado hoje pela polícia. As autoridades se negaram a comentar o interrogatório, que teria ocorrido na cidade de Gurkovo, no centro da Bulgária.

Publicidade

Um dos filhos do casal, formado por Sacha et Atanas Roussev, declarou à imprensa de Nikolevo, onde vive a família, que a mãe havia reconhecido Maria quando a imagem da menina apareceu na televisão. Ela tem cerca de quatro anos e foi encontrada na cidade de Farsala, no centro da Grécia, na quarta-feira passada.

Testes de DNA já provaram que a menina não é filha do casal de ciganos que reivindicava a paternidade. Batizada pela imprensa local de “anjo loiro”, a criança teve sua fotografia divulgada pela Interpol para tentar encontrar sua verdadeira família. A polícia investiga o envolvimento de uma rede de tráfico de crianças.

O irmão de Atanas Roussev, Angel, confirmou que Sacha havia “abandonado uma criança na Grécia porque ela não tinha nem dinheiro, nem documentos”. A televisão búlgara mostrou imagens da família, da qual fazem parte crianças loiras e de pele clara, como Maria. Eles vivem em um gueto cigano miserável de Nikolevo.

Um dos filhos, Isus, de 15 anos, também confirmou que a mãe havia abandonado Maria porque não tinha dinheiro para trazê-la de volta da Grécia. Os vizinhos da família declaram que os Roussev tinham viajado à Grécia. Alguns afirmaram que Sacha vendeu a menina por 250 euros (750 reais).

O casal cigano que cuidava de Maria – um homem de 39 anos e sua esposa, de 40 – foi acusado pela polícia grega de “sequestro” e está preso, à espera de uma decisão judicial. Eles afirmam que a mãe da criança, uma cigana búlgara, havia deixado a menina com eles porque não podia mais cuidá-la.
 

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Acompanhe toda a actualidade internacional fazendo download da aplicação RFI