Acesso ao principal conteúdo
Vaticano/Arcebispo do Rio

Dom Orani Tempesta, arcebispo do Rio, é nomeado cardeal pelo papa

O arcebispo do Rio de Janeiro, Dom Orani Tempesta, vai receber o título de cardeal no dia 22 de fevereiro.
O arcebispo do Rio de Janeiro, Dom Orani Tempesta, vai receber o título de cardeal no dia 22 de fevereiro. Wikimedia Commons
4 min

O papa Francisco anunciou hoje a lista de 19 cardeais que ele irá nomear no próximo consistório (reunião de cardeais), marcado para 22 de fevereiro. O brasileiro Dom Orani Tempesta, arcebispo do Rio de Janeiro, está na lista e poderá votar na escolha do sucessor do pontífice argentino. O anúncio foi feito durante a cerimônia do Angelus, na Praça de São Pedro, no Vaticano.

Publicidade

Esta é primeira lista de nomeados ao Colégio Cardinalício feita pelo papa Francisco. Dos 19 nomes selecionados, 16 têm menos de 80 anos e poderão votar no conclave que elegerá seu sucessor. A lista inclui responsáveis da Cúria Romana e de várias dioceses de 12 países, a maioria do sul.

Cinco são latino-americanos (Brasil, Argentina, Chile, Haiti e Nicarágua), dois africanos (Costa do Marfim e Burkina Faso) e dois asiáticos (Coreia do Sul e Filipinas).

De países do norte, o papa Francisco anunciou a nomeação de um cardeal norte-americano e de seis europeus, sendo quatro italianos, um alemão e um britânico. O italiano Pietro Parolin, de 58 anos, será o novo secretário de Estado do Vaticano.

No consistório do dia 22 de fevereiro, Francisco vai reunir cardeais do mundo inteiro e entregar os títulos dos nomes anunciados hoje. Antes, nos dias 17 e 18 de fevereiro, o papa vai se reunir com o novo "conselho dos cardeais" restrito encarregado de aconselhá-lo, o chamado "G8 do papa". O último consistório para a criação de cardeais aconteceu em novembro de 2012.

Conheça a trajetória de Dom Orani Tempesta

Dom Orani Tempesta, 63 anos, é considerado um homem tímido, de espírito conciliador. Ele é o caçula de uma família de origem italiana católica fervorosa, composta de nove filhos.

O religioso nasceu em São José do Rio Pardo, no interior de São Paulo. Foi ordenado padre em 1974, bispo de São José do Rio Preto em 1997, arcebispo de Belém em 2004 e arcebispo do Rio de Janeiro em 2009.

Desde o pontificado de Bento 16 havia a expectativa de que Dom Orani fosse nomeado cardeal, mas a renúncia do papa alemão atrasou o processo. O papa Francisco pôde observar de perto o trabalho do arcebispo brasileiro por ocasião da Jornada Mundial da Juventude, em julho passado.

Papa batiza 32 crianças

O papa Francisco batizou neste domingo (12) 32 crianças na Capela Sistina, no Vaticano, e disse aos pais que a fé é a melhor “herança” que eles podem dar aos seus filhos.

A celebração decorreu, como é tradição, no dia em que a Igreja Católica comemora a festa litúrgica do Batismo do Senhor, encerrando o período litúrgico do Natal. As 32 crianças eram na sua maioria filhos de funcionários do Vaticano.

Descontraído e falando de improviso, o papa Francisco brincou com o barulho dos bebês, afirmando que “o coro mais belo é este, das crianças”. “Alguns choram porque não estão confortáveis ou porque têm fome: se tiverem fome, mães, dai-lhes de comer. Estejam à vontade, porque eles hoje são o principal, aqui”, afirmou o papa.

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Acompanhe toda a actualidade internacional fazendo download da aplicação RFI

Página não encontrada

O conteúdo ao qual pretende aceder não existe ou já não está disponível.