Covid-19: França activa fase 3

Primeiro-ministro francês, Edouard Philippe, anuncia encerramento de estabelecimentos públicos.
Primeiro-ministro francês, Edouard Philippe, anuncia encerramento de estabelecimentos públicos. AFP

O primeiro-ministro francês anunciou este sábado o encerramento de cafés, cinemas, discotecas e de outros estabelecimentos públicos em todo o território. Edouard Philippe justifica a medida face à progressão do novo coronavírus, o país regista actualmente 4500 casos.

Publicidade

Este sábado foi a vez da França adoptar medidas drásticas para tentar travar a epidemia do novo coronovírus que fez até ao momento 91 vítimas mortais.

O primeiro-ministro francês anunciou o encerramento, a partir da meia noite de hoje, de cafés, cinemas, discotecas e de outros estabelecimentos públicos, não essenciais, em todo o território. Ficarão abertos os supermercados, farmácias, estações de serviço, bancos e quiosques.

Edouard Philippe justifica a medida face à progressão do novo coronavírus, o país regista actualmente 4500 casos.

Os transportes públicos continuarão a funcionar , porém o chefe do executivo francês convida os franceses a reduzirem aos máximos as deslocações inter-urbanas.

O primeiro-ministro francês, que voltou  a consultar os cientistas, reitera que a primeira volta das eleições autárquicas terá lugar amanhã, domingo.

Edouard Philippe acredita que os franceses estarão à altura do desafio e vão mostrar a "calma, civismo e a capacidade de respeitar as regras para a sua própria segurança.

 

 

 

 

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Acompanhe toda a actualidade internacional fazendo download da aplicação RFI