Acesso ao principal conteúdo
Futebol

Futebol: Kylian Mbappé oferece triunfo ao PSG sem Danilo nem Neymar

Kylian Mbappé, avançado francês do PSG.
Kylian Mbappé, avançado francês do PSG. © AFP
Texto por: Marco Martins
4 min

O Paris Saint-Germain deslocou-se ao terreno do Nîmes e venceu por 0-4 num jogo a contar para a sétima jornada do campeonato francês da primeira divisão de futebol, a Ligue 1.

Publicidade

O PSG, apesar de estar desfalcado para o encontro frente ao Nîmes, não teve dificuldades em arrecadar um triunfo perante a equipa do Sul da França.

Sem algumas das suas estrelas o avançado francês Kylian Mbappé assumiu as suas responsabilidades e carregou a equipa às costas, apontando dois golos aos 32 e 83 minutos de jogo.

Os outros tentos foram apontados pelo defesa italiano Alessandro Florenzi (77’), que chegou ao PSG proveniente da AS Roma, e pelo avançado espanhol Pablo Sarabia (88’).

De notar no entanto que a tarefa ficou mais fácil para os parisienses com a expulsão aos 13 minutos do defesa francês do Nîmes, Loick Landré.

Danilo Pereira e Neymar ficaram de fora

Danilo Pereira ainda não se estreou com a camisola do PSG. O médio e internacional português, nascido em Bissau, que chegou nas últimas horas do mercado de transferências ao Paris Saint-Germain, proveniente do FC Porto, era um chamado ‘caso contacto’ de Cristiano Ronaldo.

Danilo Pereira representou a Selecção portuguesa frente à França (0-0) e frente à Suécia (3-0). Todavia nessa concentração, Cristiano Ronaldo, o capitão da Selecção Portuguesa, foi testado positivo à Covid-19, o que significou que o médio de 29 anos era um chamado ‘caso contacto, não podendo jogar com o PSG frente ao Nîmes.

Quanto a Neymar chegou apenas na quinta-feira à noite da deslocação à América do Sul para os jogos da Selecção brasileira e acabou por ficar de fora da convocatória numa decisão conjunta com o técnico alemão Thomas Tuchel.

De referir que o treinador germânico estreou dois jogadores que também chegaram nas últimas horas do mercado de transferências, o médio brasileiro Rafinha Alcântara e o avançado italiano, com origens marfinenses, Moise Kean.

No total 9 jogadores estavam indisponíveis: Kurzawa, Marquinhos e Di Maria, suspensos; Verrati, Draxler e Icardi, lesionados; Kehrer, recentemente recuperado de uma lesão; Danilo Pereira e Neymar, já referidos.

Paris Saint-Germain na liderança da Ligue 1.
Paris Saint-Germain na liderança da Ligue 1. © AFP

PSG na liderança da Ligue 1

Com este triunfo o Paris Saint-Germain sobe à liderança da Ligue 1 com 15 pontos, os mesmos que o Rennes que empatou a uma bola na deslocação ao terreno do Dijon.

De notar que o único tento do Dijon foi apontado pelo avançado e internacional guineense Mama Baldé.

Quanto ao Nîmes, clube do Sul da França, ocupa o 13° lugar com 8 pontos, isto enquanto o Dijon está no último lugar com apenas dois pontos em sete jogos.

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Acompanhe toda a actualidade internacional fazendo download da aplicação RFI

Página não encontrada

O conteúdo ao qual pretende aceder não existe ou já não está disponível.