Acesso ao principal conteúdo
França/homicídios

Homicídios caem 35,11% na França em dez anos

Políciais franceses durante investigação em um caso de homicídio.
Políciais franceses durante investigação em um caso de homicídio. Reuters
Texto por: Taíssa Stivanin
2 min

Dois terços dos assassinatos são crimes passionais. A queda mais representativa, 44,9%, foi constatada nos roubos seguidos de morte. Apenas 27 crimes foram registrados no ano passado, contra 49 no ano 2000.

Publicidade

O número de homicídios nas cidades francesas diminuiu 35,11% entre 2000 e 2009, passando de 1051 para 682 casos. Os dados integram um relatório da Polícia Judiciária Francesa, ainda não divulgado oficialmente, obtido pelo jornal Le Figaro. Dois terços dos assassinatos são crimes passionais. A queda mais representativa, 44,9%, foi constatada nos roubos seguidos de morte. Apenas 27 crimes foram registrados no ano passado, contra 49 no ano 2000. Um fato curioso, segundo os policiais, é que houve uma alta de 36,6% deste tipo de ocorrência na zona rural. Também foi constatada uma alta de mortes ligadas a ajuste de contas entre criminosos, o equivalente a 3,33%.

As estatísticas apontam a dificuldade de se obter uma arma de fogo na França como um dos principais motivos para a queda do número de homicídios. Além disso, com o progresso tecnológico, a polícia técnica e científica francesa é capaz de elucidar 87% dos casos.Uma prova é que as tentativas de assassinato caíram apenas 14,98% no mesmo período. Os policiais explicam que os criminosos, temendo serem desmascarados, acabam desistindo de levar o plano até o fim. Uma premeditação que não atinge, naturalmente, os autores de crimes passionais.

Em termos geográficos, apenas 10 departamentos franceses foram palco de 40,18% das mortes. Em primeiro lugar está Bouches-du-Rhône, com 103 casos. Paris está em segundo lugar.
 

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Acompanhe toda a actualidade internacional fazendo download da aplicação RFI

Página não encontrada

O conteúdo ao qual pretende aceder não existe ou já não está disponível.