Saúde/ França

Mais oito crianças hospitalizadas com intoxicação alimentar na França

Auberchicourt, cidade do norte da França onde moram as crianças infectadas.
Auberchicourt, cidade do norte da França onde moram as crianças infectadas. serge OTTAVIANI/ LD

Após fortes dores abdominais, dores de cabeça e vômito, o grupo de crianças, que estuda no norte da França, foi hospitalizado. Causas do mal-estar ainda são desconhecidas. 

Publicidade

Cerca de 50 estudantes da cidade de Auberchicourt, no norte da França, sofreram de fortes dores abdominais e oito delas tiveram que ser hospitalizadas, informou hoje o governo da região de Nord-Pas-de-Calais em um comunicado. Todas elas comeram na mesma cantina, mas as crianças do maternal, que almoçaram um pouco antes, e os funcionários do local, que também se alimentaram da mesma comida, não apresentaram nenhum problema até o momento.

As autoridades locais estão investigando o que pode ter causado o mal-estar nas crianças, afim de descobrir se o caso é mais uma onda de infecção pela bactéria E.coli. Mas um funcionário do serviço de urgências médicas, Patrick Goldstein, afirma que ainda é cedo para este tipo de especulações: “É difícil saber do que se trata. Por enquanto, não há com o que se preocupar, pois há várias viroses que aparecem nesta época do ano”.

E.coli
Na semana passada, outras oito crianças, de 18 meses a 8 anos de idade, estavam hospitalizadas. Elas tinham sido contaminadas pela bactéria E.coli após terem consumido hambúrgueres congelados da marca “Steak Country”, comercializados pela cadeia de supermercados alemã Lidl.
 

Com a colaboração de Victória Álvares

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Acompanhe toda a actualidade internacional fazendo download da aplicação RFI