Sarkozy/caso Bettencourt

Ex-presidente Sarkozy é indiciado no caso L'Oréal

Nicolas Sarkozy na saída do tribunal de Bordeaux, após ser indiciado no caso Bettencourt.
Nicolas Sarkozy na saída do tribunal de Bordeaux, após ser indiciado no caso Bettencourt. AFP PHOTO / PATRICK BERNARD

O tribunal de Bordeaux, no sudoeste da França, confirmou nesta quinta-feira, o indiciamento do ex-presidente Nicolas Sarkozy por “abuso de fragilidade” no caso da bilionária Liliane Bettencourt, herdeira da gigante de cosméticos L’Oréal.

Publicidade

Acompanhado do advogado Thierry Herzog, o ex-presidente foi interpelado por três juizes no escândalo que ficou conhecido como “caso Bettencourt”, de financiamento ilícito da campanha que o elegeu para a presidência em 2007.

O caso investiga dois saques de 400 mil euros cada um da conta da bilionária em fevereiro e abril de 2007. Ex-funcionários da bilionária afirmaram ter visto Sarkozy ir buscar dinheiro na casa dos Bettencourt. O objetivo é descobrir se o ex-presidente recebeu dinheiro diretamente.

Os juízes também querem saber se as atividades políticas de Sarkozy foram financiadas com parte dos € 4 milhões em dinheiro vivo que Patrice de Maistre, ex-administrador da família Bettencourt, trouxe de uma conta dos bilionários na Suíça entre 2007 e 2009.

Patrice de Maistre e Eric Woerth, ex-ministro e ex-tesoureiro da campanha de Sarkozy em 2007, já foram indiciados por seu envolvimento nesse caso.

Sarkozy perdeu sua imunidade no ano passado, após deixar o cargo de presidente. Segundo o seu advogado, ele tomou a iniciativa de enviar uma cópia de sua agenda de 2007 para se defender. Mais de dez pessoas já foram indiciadas no mesmo processo.

Nicolas Sarkozy também corre o risco de ser implicado em outros processos nos próximos meses. Uma investigação preliminar sobre as pesquisas de opinião encomendadas pela presidência durante seu mandato foi aberta, enquanto duas outras investigações sobre supostos financiamentos ilegais de campanha eleitoral, a sua em 2007 e a de Edouard Balladur em 1995, podem ser iniciadas.

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Acompanhe toda a actualidade internacional fazendo download da aplicação RFI