Acesso ao principal conteúdo
França/Ebola

França recebe novo paciente contaminado pelo vírus Ebola

Voluntários aprendem como tratar pacientes infectados pelo Ebola
Voluntários aprendem como tratar pacientes infectados pelo Ebola Reuters/Philippe Wojazer
Texto por: RFI
2 min

A França recebeu neste sábado (1) um funcionário das Nações Unidas que foi contaminado pelo vírus Ebola. Ele está internado em um hospital militar de Saint Mandé, nos arredores de Paris. O anúncio foi feito em um comunicado divulgado neste domingo (2) pelo Ministério da Saúde francês.

Publicidade

De acordo com o comunicado, o paciente trabalha em Serra Leoa e foi retirado do país africano, um dos mais atingidos pela epidemia, em um avião especial, respeitando todas as precauções sanitárias. Ele foi colocado em um quarto isolado com segurança máxima. O Ministério da Saúde francês não especificou se o funcionário da ONU é um homem ou uma mulher, mas confirmou que este é, atualmente, o único caso de Ebola em território francês.

Uma enfermeira francesa, que trabalhava para a organização MSF (Médicos Sem Fronteiras) e contraiu o vírus, já havia sido repatriada e tratada neste mesmo hospital, em setembro. Hoje ela está curada. Na França, segundo o Ministério da Saúde, menos de 500 casos de Ebola foram assinalados pela população, mas apenas 18 foram considerados “possíveis” e nenhum foi confirmado.

Exames de sangue na França são feitos por hospital em Lyon

Em caso de possibilidade de contaminação, os exames de sangue são realizados o mais rápido possível por um laboratório especializado em Lyon. Os casos são averiguados nos doze hospitais de referência da França para tratamento do Ebola, como o Bichat, Necker e Bégin na região parisiense. A epidemia de Ebola já deixou pelo menos 4922 mortos. 13.703 casos foram contabilizados em três países: Libéria, Serra Leoa e Guiné, de acordo com o último balanço da OMS (Organização Mundial da Saúde).
 

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Acompanhe toda a actualidade internacional fazendo download da aplicação RFI

Página não encontrada

O conteúdo ao qual pretende aceder não existe ou já não está disponível.