França

França homenageia vítimas de atentado de Nice

Passeio dos ingleses em Nice repleto de homenagens às vítimas do atentado do 14 de Julho
Passeio dos ingleses em Nice repleto de homenagens às vítimas do atentado do 14 de Julho REUTERS/Eric Gaillard
Texto por: Lígia ANJOS
3 min

Três meses depois do atentado que tirou a vida a 86 pessoas em Nice, o Presidente francês, François Hollande, políticos e familiares prestaram hoje uma homenagem às vítimas.

Publicidade

Foi há três meses, 14 de Julho, que um camião atropelou dezenas de pessoas que estavam no passeio dos ingleses, na cidade costeira de Nice, a assistir às comemorações do dia nacional.

O atentado terrorista, reivindicado pelo auto-proclamado Estado Islâmico, tirou a vida a 86 pessoas e feriu outras 400.

As homenagens estavam inicialmente previstas para ontem, sexta-feira 14 de Outubro, mas acabaram por ser adiadas para este sábado devido ao mau tempo que fustiga o sul de França.

"O que foi visado no passado 14 de Julho, foi a vida. O que foi visado no passado 14 de Julho foi a hospitalidade. Entre as vítimas havias turistas que descobriam Nice pela primeira vez. Outros eram residentes", afirmou o chefe de Estado francês que garantiu que "esta empresa maléfica irá perder porque a liberdade, a humanidade, vão permanecerão" disse François Hollande perante as famílias das vítimas, membros do governo e vários responsáveis políticos como Nicolas Sarkozy ou ainda Marine Le Pen.

É admirável reforçou o chefe de Estado francês que "as rezas se tenham elevado em todas as igrejas, todas as mesquitas, todas as sinagogas em Nice".

Homenagem às vítimas do atentado de Nice, declaração de François Hollande

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Acompanhe toda a actualidade internacional fazendo download da aplicação RFI