FRANÇA

Manuel Valls é candidato à Presidência da República francesa

Manuel Valls anunciou candidatura à Presidência da República francesa
Manuel Valls anunciou candidatura à Presidência da República francesa France TV

"Sim, sou candidato à Presidência da República francesa”, afirmou o ainda primeiro-ministro francês Manuel Valls em Evry, no sul de Paris. A partir de amanhã deixa o cargo de primeiro-ministro. 

Publicidade

Depois de, na quinta-feira, o presidente francês François Hollande ter anunciado que não irá ser candidato às eleições presidênciais francesas, Manuel Valls, anunciou esta segunda feira, 5 de dezembro, que é "candidato às eleições presidenciais"de 2017, em França.

Manuel Valls explicou que é candidato à presidência porque “a França deve por toda a sua força num mundo que já não tem nada a ver com o que era”, referindo-se à “ameaça terrorista”, “aos efeitos da globalização”, “ao enfraquecimento da Europa”, entre outras ameaças como a extrema direita.

Manuel Valls, primeiro-ministro demissionário, anunciando a sua candidatura às presidenciais em França

Manuel Valls tem dado vários indícios que iria, efectivamente, participar nas primárias da esquerda. Num discurso no dia a seguir a François Hollande ter anunciado que não iria concorrer a um segundo mandato, o primeiro-ministro francês afirmou que continuaria a "defender o balanço e as medidas tomadas durante o mandato presidencial" assim como o tem feito desde que "tomou funções em 2012".

É, aliás, de realçar que, mesmo antes de se conhecer a decisão de François Hollande, Manuel Valls já tinha anunciado que não metia de lado a hipótese de se candidatar às primárias, mesmo caso tivesse de enfrentar o presidente francês. É nomeadamente devido a isto que os seus principais detractores o nomearam de "Brutus", considerando que o primeiro-ministro francês empurrou François Hollande para a porta da saída. 

Manuel Valls, vai agora demitir-se das suas funções de primeiro-ministro, e entrar em campanha para as primárias, em janeiro, que está convencido, poder ganhar, e apresentar-se às presidenciais de 2017.

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Acompanhe toda a actualidade internacional fazendo download da aplicação RFI