Acesso ao principal conteúdo
França

Morreu France Gall, “um ícone da canção francesa”

France Gall a cantar "Poupée de Cire, Poupée de Son", na Eurovisão de 1965.
France Gall a cantar "Poupée de Cire, Poupée de Son", na Eurovisão de 1965. STR / AFP
Texto por: Carina Branco
4 min

A cantora francesa France Gall morreu este domingo, aos 70 anos, vítima de cancro. Figura da "chanson française" [canção francesa] e emblema dos “anos ye-ye”, os anos 60, France Gall deixou músicas que marcaram diferentes gerações.

Publicidade

Oriunda de uma família de músicos, France Gall gravou o primeiro disco aos 15 anos e conheceu o sucesso aos 16 anos. Em 1965 venceu o festival Eurovisão da canção, pelo Luxemburgo, com a música "Poupée de cire, poupée de son", escrita por Serge Gainsbourg.

Ainda que a cantora afirmasse que nasceu com Michel Berger, que lhe escreveu muitas das suas músicas, foi uma controversa canção de Serge Gainsbourg “Les sucettes”, que lançou a sua carreira.

Para o cantor Dan Inger dos Santos, France Gall é um “ícone da canção francesa” e deixou músicas que marcaram gerações.

Dan Inger dos Santos, Cantor

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Acompanhe toda a actualidade internacional fazendo download da aplicação RFI

Página não encontrada

O conteúdo ao qual pretende aceder não existe ou já não está disponível.