Cúpula Brasil-UE é destaque na imprensa francesa

RFI

As páginas econômicas do jornal Le Figaro dessa quarta-feira se interessam pelo reunião de cúpula Brasil - União Europeia que começa hoje em Brasília. O diário explica que os europeus esperam seduzir os brasileiros durante o evento.

Publicidade

Le Figaro traça um paralelo com as relações sino-brasileiras. A China já se tornou o primeiro parceiro comercial do Brasil, ultrapassando os Estados Unidos, o que mostra o peso das relações entre os países do Sul, explica Le Figaro. Enquanto isso, o mercado brasileiro representa apenas 2% do comercio exterior da União Europeia, analisa o jornal.

Como a economia brasileira deve ganhar entre 6% e 7% ao ano, o jornal aponta o país sul-americano como um mercado a ser conquistado. Além disso, a organização da próxima Copa do Mundo, em 2014, além dos jogos olímpicos de 2016 só aumentam o potencial de investimentos no Brasil, enfatiza Le Figaro.

Parada militar

A participação de soldados africanos no tradicional desfile da festa nacional francesa foi outro assunto em destaque na imprensa dessa quarta-feira. O jornal La Croix explica que a presença das tropas militares de 13 países da África francófona, convidados pelo presidente Nicolas Sarkozy como parte das celebrações dos 50 anos de independência, não agrada à todos. Segundo a associação Sair do colonialismo, ouvida pelo diário católico, o parada militar contará com tropas dirigidas por criminosos, uma alusão feita às acusações de repressão militar presente em alguns dos países africanos que participam do desfile realizado na avenida do Champs Elysées.

Mesmo tom no Libération, que traz como título "As críticas desfilam antes do 14 de julho africano". Associações como a Liga dos direitos humanos temem que o evento conte com a presença de militares suspeitos de tortura, explica o jornal. O diário lembra que em países como o Togo, 500 pessoas foram mortas na repressão pós-eleitoral de 2005, ou ainda que no Camarões 100 pessoas morreram vítimas da repressão dos conflitos de 2008.

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Acompanhe toda a actualidade internacional fazendo download da aplicação RFI