Eleições/ Holanda

Liberais vencem eleições e preparam governo de coalizão na Holanda

O Primeiro-ministro Mark Rutte comemora vitória do partido Liberal VDD nas eleições holandesas
O Primeiro-ministro Mark Rutte comemora vitória do partido Liberal VDD nas eleições holandesas REUTERS/Yves Herman

O Partido Liberal VDD, do primeiro ministro Mark Rutte, já começou a trabalhar nos bastidores visando a formação de um novo governo, após a vitória nas eleições legislativas. O grupo de deputados do partido deu início as articulações e a avaliar os resultados das eleições que deram aos liberais 41 cadeiras no parlamento, duas a mais que os trabalhistas do líder Diederik Samsom.

Publicidade

O Partido Liberal VDD e o Partido Trabalhista são duas formações políticas pró-Europa, mas defendem remédios diferentes para a crise na zona do euro. Os liberais são mais próximos da posição alemã de maior austeridade enquanto os trabalhistas se alinham com a postura do presidente francês François Hollande que busca relançar a economia europeia, sem, no entanto, renunciar à disciplina orçamentária.

Os dois partidos endureceram seus discursos contra Bruxelas para não afastar um eleitorado cada vez mais hostil aos planos de ajuda à Grécia. Com a vitória dos liberais, Mark Rutte deve suceder a ele mesmo no cargo de chefe de governo da Holanda. Tanto ele quanto Samson devem se reunir na tarde desta quinta-feira com a presidente do parlamento Gerdi Verbeet para decidir os próximos passos para a formação do novo governo, que pode demorar várias semanas.

As eleições na Holanda também mostraram uma forte rejeição dos eleitores partidos extremista. Os socialistas, da esquerda radical e eurocéticos, conquistaram 15 cadeiras, como em 2010. O partido da extrema direita, do líder Geert Wilders, que defende uma saída da zona do euro foi duramente castigado nas urnas.
Wilders ficou apenas com 15 cadeiras, pouco mais da metade das 24 cadeiras que tinha conquistado nas eleições de 2010.

 

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Acompanhe toda a actualidade internacional fazendo download da aplicação RFI