Acesso ao principal conteúdo
Igreja Católica

Papa Francisco recebe "bispo de luxo" no Vaticano

Monsenhor Franz-Peter Tebartz-van Elst, chamado de "bispo de luxo" pela imprensa alemã.
Monsenhor Franz-Peter Tebartz-van Elst, chamado de "bispo de luxo" pela imprensa alemã. Michael Gottschalk/Photothek/Getty Images
2 min

O Papa Francisco recebeu nesta segunda-feira, no Vaticano, o bispo alemão que ficou famoso por ser um grande gastador. Monsenhor Franz-PeterTebartz-van Elst, bispo de Limburg, na Alemanha, escandalizou o país quando seus hábitos de luxo e despesas foram reveladas.Os alemães pagam imposto para as igrejas, o que aumentou a revolta dos fiéis contribuintes.  

Publicidade

Nenhuma declaração foi feita depois do encontro de Francisco com o "bispo de luxo".

Há duas semanas o bispo de Limburg não sai das páginas dos jornais da Alemanha. Apelidado de "bispo de luxo", ele está no centro de um escândalo sobre os custos astronômicos da renovação da sua diocese em Limburg, que passou de 5,5 milhões de euros a 31 milhões de euros.

As mídias alemãs destacam que o religioso tentou esconder por muito tempo os custos reais das obras. Alguns exemplos dos seus excessos: seus aposentos teriam custado 2,9 milhões de euros, com uma sala de jantar de 63m2 e uma banheira do designer Philip Starck no valor de 15 mil euros. O jornal alemão Die Welt publicou que o total das despesas pode chegar até 40 milhões de euros.

O Papa Francisco, que prega uma Igreja pobre e próxima do povo, havia recebido na última quinta-feira o presidente da conferência episcopal alemã, Monsenhor Robert Zollitsch, para decidir o destino do bispo  espalhafatoso. Nenhuma decisão, porém, foi anunciada depois do encontro. Zollitsch declarou que nada será decidido antes do fim das investigações de uma comissão nomeada pela Igreja alemã para averiguar as despesas de Tebartz-van Elst.

Do bolso do contribuinte

Como na Alemanha o Estado e a Igreja não são separados, os contribuintes param 9% do imposto para as igrejas católicas e protestantes do país.

 

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Acompanhe toda a actualidade internacional fazendo download da aplicação RFI

Página não encontrada

O conteúdo ao qual pretende aceder não existe ou já não está disponível.