Acesso ao principal conteúdo
Semana dos Convidados

Quénia votou entre boicotes e violência

Áudio 05:14
O chefe da oposição queniana, Raila Odinga, em Kibera, Nairobi, a 27 de Outubro de 2017.
O chefe da oposição queniana, Raila Odinga, em Kibera, Nairobi, a 27 de Outubro de 2017. REUTERS/Stringe

O assassínio de uma jornalista em Luanda chocou Angola.No Quénia a repetição das eleições presidenciais decorreu sob forte tensão.A oposição democrática venezuelana ganhou o Prémio Sakharov do parlamento europeu.No Japão o primeiro-ministro Shinzo Abe ganhou as eleições legislativas e poderá alterar a constituição.Na China Xi Jinping saíu com poderes reforçados da reunião do Partido comunista.

Página não encontrada

O conteúdo ao qual pretende aceder não existe ou já não está disponível.