Acesso ao principal conteúdo
França

Festa da música em plena pandemia e no aniversário da morte de lusodescendente

Festa da Música, tempo para recordar Steve Maia Caniço, jovem lusodescendente morto há um ano empleno concerto
Festa da Música, tempo para recordar Steve Maia Caniço, jovem lusodescendente morto há um ano empleno concerto AFP
Texto por: RFI
3 min

A famíla, amigos e fãs do animador musical, Steve Maia Caniço, recordam neste dia da festa da música o jovem lusodescendente de 24 anos, morto há precisamente um ano em concerto de música eletrónica em Nantes no oeste da França. A polícia fez uma investida no concerto numa operação muito controversa disparando gás lacrimogéneo forçando muitos jovens a lançar-se ao rio de Loire para fugirem. O corpo do jovem franco-português seria encontrado morto afogado dois meses mais tarde. 

Publicidade

Neste dia da festa da música em França, assinala-se o 1° aniversário da morte do jovem lusodescendente, Steve Maia Caniço, em pleno concerto de música electrónica, em Nantes no oeste do país, quando a polícia efectuou uma controversa operação, cujos meandros ainda são desconhecidos estando o caso nas mãos da justiça. 

A família de Steve Maia Caniço, deseja prestar homenagem, nomeadamente, com uma marcha, a esse jovem animador musical desaparecido à beira do rio Loire na noite de  21 para 22 de junho de 2019. O seu corpo foi encontrado morto um mês depois no rio.

 "A fuga para o rio Loire de Steve Maia Caniço, destabilizou toda a felicidade duma família", afirma a sua advogada, Céile de Oliveira.

Há um ano o jovem Steve, francês de 24 anos, de origem portuguesa tornou-se um símbolo em Nantes, onde o slogan, "justiça para Steve" tem sido ouvido em várias manifestações. Há três investigações judiciárias a correr desde essa noite em que várias outras pessoas se lançaram ao rio para fugir a canhões de gás lacrimogéneo da polícia. 

Polícia declara não haver condições para concertos devido ao coronavírus 

A polícia precisou hoje num comunicado que uma manifestação que estava prevista para as 18 horas deste domingo foi proíbida, porque não foi declarada.

"Nesta noite da festa da música, a polícia afirma que "este ano agrupamentos festivos não poderão ter carácter de concertos musiciais porque não são compatíveis com as recomendaões de distanciamento físico para combater a pandemia do coronavírus.

Mas nesta noite da Festa da música, estão previstos concertos móveis e música digital sob o mote "corona compatível" com artistas indo ao encontro do público de Grenoble a Nantes, cidade do jovem Steve Maia Caniço. 

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Acompanhe toda a actualidade internacional fazendo download da aplicação RFI

Página não encontrada

O conteúdo ao qual pretende aceder não existe ou já não está disponível.