Mundo

Portugal confina 121 concelhos até dia 19 devido a risco de transmissão de Covid

Portugal confina 121 concelhos até dia 19 devido a risco de transmissão de Covid
Portugal confina 121 concelhos até dia 19 devido a risco de transmissão de Covid Foto: Reuters/Rafael Marchante

121 concelhos de Portugal continental, onde há "risco elevado de transmissão da Covid-19", entram, a partir da meia-noite desta segunda-feira, em confinamento parcial. O primeiro ministro portugues, reconhece que as medidas são duras, mas diz que são fundamentais. 

Publicidade

O Governo, liderado pelo primeiro-ministro António Costa, decidiu num Conselho de Ministros extraordinário as medidas do estado de emergência, decretado na sexta-feira pelo Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, para combater a pandemia de covid-19.

António Costa reconhece que as medidas são duras, mas diz que são fundamentais para travar a subida de casos de covid-19 e poder pensar num Natal sem restrições.

Entre as medidas decretadas, está a proibição de circular na via pública entre as 23h00 e as 05h00 durante a semana, e nos fins-de-semana a partir das 13h00. Mas há um conjunto de excepções em que são autorizadas as deslocações.

Por exemplo, para compras de bens e serviços, desempenho de actividades profissionais, obtenção de cuidados de saúde, assistência de pessoas vulneráveis, frequência de estabelecimentos de ensino, acesso a equipamentos culturais, realizar actividade física, passear animais de companhia, exercício da liberdade de imprensa e deslocações necessárias para saída de Portugal continental.

Nos territórios abrangidos, todos os estabelecimentos comerciais encerram até às 22h00, excepto restaurantes, que têm de encerrar até às 22h30; equipamentos culturais, que devem encerrar às 22h30; e outras excepções como farmácias, consultórios e clínicas, actividades funerárias e áreas de serviço e postos de abastecimento de combustíveis.

De realçar que, comparativamente ao dia em que na primeira vaga se registaram mais casos novos, a 10 de Abril com 1516 casos, o dia com mais casos novos na segunda vaga registou-se no passado dia 4, com 7497 casos, o que equivale a quase cinco vezes mais do que o pior dia da primeira vaga.

De Lisboa, o nosso correspondente, Luís Guita.

Correspondência de Portugal, 9/11/2020

 

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Acompanhe toda a actualidade internacional fazendo download da aplicação RFI